Dados indicam que produção de iPads 2 continua a toda, enquanto o mundo se prepara para a sua terceira geração em 2012

iPad 2

Depois de toda a polêmica de ontem sobre uma possível redução nos pedidos de iPads para o final do ano, o analista Shaw Wu, da Sterne Agee, afirmou hoje que não prevê nenhuma redução no ritmo de vendas do produto a curto prazo.

iPad 2

“Nossas verificações com distribuidores indicam que a demanda [pelo iPad 2] continua forte”, afirmou Wu, o qual espera que a Apple comercialize 27 milhões de tablets no segundo semestre de 2011 — acima do consenso de Wall Street, que é de 24-26 milhões.

Wu acredita, sim, que a Apple está gerenciando seu inventário de forma a se preparar para a chegada de um novo iPad no primeiro trimestre de 2012 — ou seja, aos poucos a produção deverá ser reduzida, mas nada como os 25% ditos ontem. Esta informação é corroborada pelo DigiTimes, o qual esclarece que a Apple costuma realizar previsões exageradas para produtos a fim de obter melhores negociações com fornecedores, para depois então, com contratos já firmados, ajustá-las à realidade.

O mesmo DigiTimes também diz que fornecedoras de FPCBs (Flexible Printed Circuit Boards) — incluindo Career Technology, Flexium Interconnect e Sunflex Tech — já estariam entregando componentes para a montagem de iPads 3, com todas elas operando praticamente em capacidade máxima.

[via AppleInsider, Electronista]

Posts relacionados

Comentários