ASUS anuncia Transformer Prime, tablet com processador quad-core Tegra 3, da NVIDIA

NVIDIA Tegra 3

Como diz o sábio, “Sh** just got real.” A cada geração de processadores móveis a distância entre uma tablet e um PC deverá diminuir mais e mais, e agora a ASUS e a NVIDIA estão dispostas a mostrar um passo e tanto nessa rota: o Transformer Prime será a primeira tablet do mercado equipada com uma CPU quad-core Tegra 3, dotada da arquitetura ARM A9.

ASUS Transformer Prime

Segundo a NVIDIA, esta geração é cinco vezes mais veloz que a anterior em geral, sendo especificamente quatro vezes mais rápida para carregar páginas, três vezes melhor para exibir gráficos e duas vezes mais potente em tarefas que exijam muito da CPU. Sua GPU de 12 núcleos ainda é compatível com 3D, de forma que o Transformer Prime pode ser ligado a TVs compatíveis e oferecer uma experiência completa. O chip Tegra 3 é considerado o primeiro processador móvel do nível de PCs, em comparação com o Core 2 Duo T7200, da Intel.

NVIDIA Tegra 3

Apesar de toda essa potência, o Tegra 3 ainda é capaz de consumir menos energia que a geração anterior — na execução de vídeo, por exemplo, ele consome 61% menos eletricidade, o que pode resultar em gadgets com autonomia de até 12 horas de reprodução de vídeo. Isso só é possível graças à presença de um quinto núcleo, com menos potência, que cuida das tarefas mais leves, de forma que os quatro cavalos de carga só são chamados quando preciso.

Mas ninguém quer isso tudo para ficar vendo planilhas ou fotos de LOLcats, certo? Essa força bruta toda só pode ser bem utilizada em um tipo de aplicativo: jogos. Veja abaixo um exemplo do que é possível fazer num Tegra 3 — clique na imagem de Shadowgun para ver a mesma cena com mais efeitos e luz melhorada.

Shadowgun no Tegra 2

Nada mau para uma tablet, hein? Agora é saber quando os primeiros PCs vão fazer uso dessa tecnologia — a casa agradece a economia de energia e a redução de temperatura.

[via Engadget, WIRED]

Posts relacionados

Comentários