Apple Brasil é convocada para audiência no Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor a fim de tratar de dois assuntos

Logo da Apple com bandeira do Brasil

Logo da Apple com bandeira do BrasilO MacMagazine recebeu nos últimos dias informações de que a Apple Brasil teria sido convocada a participar de uma reunião no Ministério da Justiça, primeiramente para tratar de um assunto mas que depois foi estendida para dois.

Uma audiência teria sido realizada ontem no Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, em Brasília (DF). Eis um resumo do que foi discutido:

  1. Recall de iPods nano de primeira geração: a Apple teria informado que importou cerca de 11.000 aparelhos para a “troca voluntária”, a qual começou em 16 de novembro — dias depois de noticiarmos a ação no MacMagazine. A Apple Brasil não enviou, porém, um plano de mídia ao DPDC, pois achava que ele era desnecessário. Sendo obrigada a se pautar pela legislação brasileira — e não pela norte-americana —, a Apple ficou de apresentar tal plano e outros detalhes exigidos Portaria 789, no prazo de cinco dias.
  2. Acidentes com iPhones 4: depois do caso de um iPhone 4 que pegou fogo durante um voo na Austrália, outro caso teria sido registrado no Brasil — o que chamou a atenção das autoridades. A Apple afirma que o aparelho em questão está com as autoridades aeronáuticas daquele país e que não há um prazo estabelecido para a conclusão da investigação. O aparelho que pegou fogo em São Paulo já está em posse da Apple nos Estados Unidos, onde passa por perícia; a empresa tem dez dias para dar um parecer sobre a questão. Detalhes: ele foi comprado na França, tinha jailbreak, seu chip era recortado e a dona utilizava um adaptador de tomada. Esta não aceitou um iPhone 4 novo da Apple, solicitando um 4S em troca — o qual (ainda?) não lhe foi entregue.

Por ora, é só. 😉

Posts relacionados

Comentários