Estaria a Apple usando patentes para trollar a criação de certos padrões do W3C?

Logo do W3C

Logo do W3CO blog My Opera trouxe uma questão muito curiosa à tona: há alguns anos a Apple tem adotado um comportamento bizarro diante de certos padrões criados pelo World Wide Web Consortium (W3C). Em síntese, um padrão está sendo criado e, quando o prazo para a apresentação de patentes relacionadas está bem perto de acabar, a Maçã tira uma (ou um mero pedido) da cartola, é criado um grupo de análise, a patente é descartada e o padrão vai adiante.

Publicidade

Aconteceu em 2009. Aconteceu em 2010. E adivinha! Aconteceu de novo em 2011, desta vez com o padrão Touch Events: pertinho do final do prazo de apresentação de patentes, a Apple apresentou três inventos e um pedido de registro que seriam infringidos. É de se esperar que o W3C crie um grupo para analisar o caso e, um tempo depois, um parecer seja dado — com o histórico que a Apple tem, não seria surpresa se fosse tudo invalidado de novo.

Isso seria apenas business as usual, não fossem as implicações: por apresentar patentes sempre perto do fim do prazo, a Apple acaba fazendo todo o processo de criação de padrões se arrastar um pouco mais do que deve; quando essas patentes são inválidas, então, aí nem se fala!, o desperdício de dinheiro é grande. Não é ilegal (o prazo e o processo existem, são coisas a que ela tem direito), mas também não é “legal”, quando esses recursos gastos em investigações poderiam estar sendo usados para criar uma web melhor e mais dinâmica.

Será que isso vai se repetir em 2012? Viva e deixe viver, inove e deixe inovar.

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…