SumOfUs faz novas críticas à FLA; Foxconn aumenta o salário de seus empregados

Logo - SumOfUs

O grupo SumOfUs não ficou nada satisfeito com as declarações de Auret van Heerden, presidente da Fair Labor Association, afirmando que, até agora (do que ele viu), as instalações da Foxconn são de primeiro nível.

Taren Stinkebrickner-Kauffma, diretor-executivo do SumOfUs, disse que ainda é muito cedo para chegar a qualquer conclusão, até porque as visitas estão sendo guiadas por executivos das fábricas, e eles obviamente não mostrarão qualquer coisa que poderia ser usada contra eles. Ainda de acordo com Stinkebrickner-Kauffma, a FLA é financiada e controlada pelas mesmas empresas que ela avalia, o que deixa em aberto a veracidade dos relatórios.

Foxconn

Exatamente por isso, para a semana que vem, o grupo está planejando entregar à Apple mais um rodada de petições — já foram acumuladas quase 80.000 assinaturas.

Sinceramente, ou o pessoal do SumOfUs e do Change.org são pessoas muito do bem, que só querem o melhor para o mundo e trabalham em prol disso (o que me faria tirar o chapéu e bater palmas, de pé, para eles), ou são um bando de aproveitadores, usando a Apple como forma de chamar a atenção da mídia — espero realmente que a primeira opção seja a correta.

Em uma nota relacionada, antes mesmo do início da vistoria da FLA, a Foxconn reajustou o salário de seus trabalhadores para algo entre 16% e 25%. Ou ela quer mostrar para mundo que deseja partilhar um pouco mais de seus lucros com quem bota a mão na massa, ou deu um belo cala-te boca, a fim de evitar qualquer “problema” nas futuras entrevistas de seu batalhão de trabalhadores — mais uma vez, quero muito acreditar na primeira opção.

[via MacNN, TechCrunch]

Posts relacionados

Comentários