Exposição fotográfica em Portugal usa realidade aumentada através do uso de um app para iPhones/iPods touch

Project Paperclip

Já vimos diversos tipos de aplicações da técnica de realidade aumentada (augmented reality), mas uma exposição fotográfica, até onde eu sei, é algo inédito. Foi exatamente isso o que concebeu o português Nuno Serrão, ao lançar o “Project Paperclip”.

Publicidade

A exposição consiste em imagens as quais contam com QR Codes que podem ser lidos por um app para iPhones/iPods touch [gratuito; 83,9MB; requer o iOS 4.3 ou superior] e então reproduzem arquivos de áudio especiais para situar o observador no ambiente virtual. Três delas estão disponíveis online.

A experiência é única a cada utilização, pois o algoritmo do aplicativo utiliza processamento em tempo real de variáveis do local onde o visitante utiliza o app, tais como: a hora do dia, o nível de ruido existente na sala, a sua voz, o movimento e localização do utilizador, entre muitas outras.

Veja só:

Publicidade

A exposição está aberta desde 11 de fevereiro Centro das Artes — na Madeira, em Portugal. O conceito “tenta transportar o visitante para um estado que lhe permita uma mais profunda interpretação das fotografias”; evidentemente, quanto melhores os fones de ouvido, mais bacana a experiência.

Legal, né? 😉

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…