Warren Buffett conta que Steve Jobs não seguiu seu conselho de recomprar ações da Apple, há alguns anos

Warren Buffett, da Berkshire Hathaway

O bilionário Warren Buffett, da Berkshire Hathaway, esteve nesta manhã no programa “Squawk Box”, da CNBC, e contou que Steve Jobs ligou para ele há alguns anos, para pedir aconselhamento.

Warren Buffett, da Berkshire Hathaway

Buffett comentou que foi uma conversa muito interessante, visto que eles não se falavam havia muito tempo. O foco de Jobs era saber o que devia fazer com tanto dinheiro que a Apple já estava acumulando — e olha que, naquela época, a coisa não estava nem perto dos US$100 bilhões atuais.

Embora tenha enumerado diversas opções na conversa, Buffett questionou Jobs se ele achava as que as ações da Apple estavam pouco valorizadas. O falecido cofundador e ex-CEO da Maçã disse que achava, então Buffett recomendou que ele iniciasse uma grande recompra de papéis.

Curiosamente, como se sabe, Jobs não seguiu o conselho de Buffett — apenas guardou o montante, usando-o exclusivamente para situações pontuais como investimentos em componentes e pequenas aquisições de empresas. De lá pra cá, o valor das ações da Apple subiu de US$200 e poucos para mais de US$500.

“Eu nunca comprei [ações da] Apple, mas eu queria ter comprado”, já disse Buffett em outra ocasião.

[via Business Insider]

Posts relacionados

Comentários