Para analista, Apple manterá iPad 2 a venda, cortando seu preço em US$100

Logo da RBC Capital

Logo da RBC CapitalMike Abramsky, da RBC Capital, é mais um que acredita em uma nova estrutura de preços para o iPad. De acordo com o analista, após o lançamento do iPad 3, no evento que ocorrerá na semana que vem, a Apple manterá o iPad 2 no mercado, reduzindo seu preço em US$100 — o modelo de entrada custaria US$400.

Publicidade

Se o novo iPad estiver disponível nas lojas até nove dias após o anuncio de quarta-feira que vem, Abramsky acredita que ele ainda incrementará um pouco os números de vendas da Apple para o trimestre fiscal atual (FQ2 2012), que termina em 31 de março.

Para reforçar sua teoria, uma pesquisa da empresa com 1.000 pessoas realizada no final do ano passado apontou que, dentre os que não consideram comprar um iPad 2, 20% deles mudariam de opinião caso a Apple reduzisse o preço do produto em 20% (em sua versão mais básica, para US$320). Levanto em conta que o corte pode ser de US$100, a Apple poderá vender ainda mais iPads do que o esperado, caso a estratégia se confirme.

Abramsky acredita ainda que o iPad 3 trará uma prévia do que veremos no próximo iPhone, como conexão 4G (LTE) e processador A6 com quatro núcleos — para o smartphone da Apple, o analista prevê ainda uma tela maior do que a atual, com lançamento previsto para o segundo semestre.

Publicidade

[via Barrons.com]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…