Review: um novo vício chamado Draw Something

Mesmo com toda a expectativa em torno de Angry Birds Space, o lançamento da Rovio em parceria com a NASA acabou perdendo um pouco de atenção para o novo grande vício da App Store: Draw Something — em português, “Desenhe Algo” —, da OMGPOP.

O jogo consiste na simples ação de adivinhar o que seu amigo está desenhando. A cada rodada, o jogador pode escolher entre três palavras (em inglês, e valendo de um a três pontos de acordo com a dificuldade) e rabiscar com ferramentas e cores básicas de desenho. Conforme ganha pontos, você pode adquirir mais paletas de cores e bombinhas, que te ajudam nos momentos de apuro.

Não importa se você está no iPhone/iPod touch ou no iPad, com ou sem canetinha, as pérolas são inevitáveis quando vemos palavras como “Rihanna” ou “Android” por lá. Enquanto isso, tem sempre o pessoal que leva o game muito a sério! Prova disso é que já criaram sites como o Best of Draw Something com uma galeria de obras primas.

Nota: não se sinta intimidado! Estas imagens acima não representam a realidade do jogo. ;-P

Quanto aos parceiros de desenho, tem como encontrar amigos pelos contatos do Facebook, por email, nome de usuário ou simplesmente usar uma escolha aleatória para encontrar algum #foreveralone perdido no mundo.

E quando uso o termo “vício”, é porque o negócio é sério mesmo! A lista de amigos que estão nessa brincadeira vem aumentando a cada dia, e as respostas dos jogadores chegam cada vez mais rápido, hehe… Até Lee Unkrich, diretor de Toy Story 3, assumiu o “problema” no Twitter e, assim, a coisa vai se espalhando como epidemia.

Dito isso, depois não digam que eu não avisei.

Draw Something é universal para iPads e iPhones/iPods touch, com duas versões. O app gratuito e com propagandas está em primeiro lugar entre os mais baixados da App Store americana, enquanto a versão completa custa US$1 e vem em segundo lugar entre os mais pagos da loja, perdendo apenas para Angry Birds Space.

Ambas pesam 12,9MB e requerem o iOS 3.0 ou superior.

Posts relacionados

Comentários