“Gameloftium”: gratuito, só para baixar

Logo da Gameloft

Há uma semana, a Gameloft publicou seus resultados financeiros referentes ao ano fiscal de 2011. Muito dinheiro entrando e muito dinheiro saindo, mas algo no relatório deles me chamou a atenção.

Logo da Gameloft

Junto à tabela com as receitas e os gastos, a Gameloft apresentou um dos seus planos para o futuro: *todos* os jogos lançados por ela em 2012 para smartphones e tablets terão In App Purchases.

Pagos ou gratuitos, os próximos jogos da Gameloft seguirão este modelo questionável de jogos “freemium” e “paymium” – sobre os quais mostrei minha opinião aqui. E, se depender da forma com que a empresa vem implementando esse modelo em seus jogos, não veremos nenhum game gratuito de verdade, em que você não é obrigado a comprar mais e mais extras.

Jogos freemium são aqueles gratuitos, mas que para ganhar dinheiro cobram por funções e itens extras – FarmVille, por exemplo. Já jogos paymium são aqueles pagos, mas que mesmo assim algumas coisas só podem ser adquiridas pagando mais. Angry Birds Space é um exemplo deste — você precisa realizar uma In App Purchase para liberar algumas fases.

Urban Crime é o melhor (ou pior!) exemplo de como esse sistema é mal implementado pela Gameloft. Um jogo de gangster, em que comprar armas, fazer missões e roubar carros só são realmente possíveis se você comprar alguns diamantes não bate muito bem com o meu gosto.

A Gameloft não é lá tão criativa, visto que a maioria dos jogos que ela lança são adaptações de títulos para consoles ou PCs. Espero que ela implemente bem as In App Purchases neste ano, pois dinheiro para fazer jogos bons, ela tem. Se a empresa quiser se manter nos meus iGadgets ela vai ter que trabalhar, e muito.

Posts relacionados

Comentários