RIM protesta contra tática da Apple para tentar aprovar padrão de Nano-SIM; confusão faz a votação ser adiada

Logo da RIM

Independentemente da situação na qual se encontra — ela está cada vez mais afundada em problemas, perdendo mais e mais mercado para a concorrência —, a Research In Motion ainda é uma importante empresa do setor e, acredito, deve ter uma “voz ativa” em situações como essa envolvendo o novo padrão Nano-SIM.

Publicidade

Conforme já informamos, a companhia está do lado da Nokia — que não licenciará suas patentes caso a proposta da Maçã seja a vencedora. Hoje, através de uma carta endereçada ao ETSI (European Telecommunications Standards Institute), a RIM demonstrou sua insatisfação com certas atitudes da Apple.

A canadense basicamente acusa a Maçã de filiar três de seus empregados na Bell Mobility, na KT Corp. e na SK Telekom, com o intuito de angariar mais votos para a sua proposta. Como o ETSI não permite votos por procuração, a RIM exige que tais representantes não sejam contabilizados.

Publicidade

Para complicar ainda mais a situação, a SanDisk entrou na jogada e ameaçou processar a Nokia, já que o padrão apresentado pela finlandesa muito se parece com o microSD — o que provavelmente fere algumas propriedades intelectuais do consórcio que a SanDisk faz parte. A confusão está generalizada, e o ETSI deve estar mais perdido cego em tiroteio. Justamente por isso a votação foi adiada, podendo acontecer dentro dos próximos 30 dias.

Alguém imaginou que o enleio chegaria a esse ponto? :-/

[via The Verge: 1, 2]

Publicidade

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…