Pesquisa aponta números relativamente baixos nas vendas de Macs no Q1 2012

Família de Macs rodando o OS X Lion

Em janeiro, uma pesquisa da NPD já indicava que consumidores estão aguardando o lançamento de novos Macs para irem às compras — o aumento ano a ano foi de apenas 1%. O mês de fevereiro passou e nada de atualizações, assim, o crescimento permaneceu baixo, de apenas 4% se comparado ao mesmo período de 2011.

As previsões de analistas eram “relativamente altas”, entre 15-20%, reforçadas principalmente pela ideia de crescimento internacional da Apple e por pelo menos uma atualização de uma das linhas de computadores da Maçã, a qual não chegou. Assim, o mês de março passou e os números continuaram baixos — de acordo com um recente estudo da NPD, 4% de crescimento ano a ano para o FQ2 2012, nos Estados Unidos.

Família de Macs rodando o OS X Lion

Apesar de esperar, sim, um crescimento mundo afora, será difícil ele ser tão grande ao ponto de atingir a previsão dos analistas. Em compensação, as vendas de iPhones e iPads muito provavelmente compensarão as “perdas” da Apple no mercado de PCs.

Se a coisa não está boa para o Mac, está ainda pior para o mercado de PCs como um todo, já que os números apontam uma desaceleração entre 10-15% para o primeiro trimestre do ano — todavia, Katy Huberty, da Morgan Stanley, acredita que algumas fabricantes como HP e Dell poderão apresentar números melhores do que o esperado, ou seja, quedas menores do que as previstas; ou, quem sabe, números levemente positivos.

[via MacRumors]

Posts relacionados

Comentários