Destaques e pontos abordados na conferência de resultados financeiros da Apple para o FQ2 2012

Meio logo da Apple

Conforme vimos agora há pouco, o segundo trimestre fiscal de 2012 da Apple — o melhor da empresa — mais uma vez trouxe números recordes para iPhones, iPads e Macs. Uma conferência realizada com acionistas e jornalistas destacou mais detalhes e outras informações sobre a situação atual da firma de Cupertino, e vocês conferem isso a seguir.

Meio logo da Apple

O evento contou com a presença de Tim Cook (executivo-chefe da Apple, ou CEO) e Peter Oppenheimer (chefe da área de finanças, ou CFO), e os principais pontos abordados durante a conferência foram:

iPhone

  • HOT! Foram comercializados 35,1 milhões de iPhones no trimestre, 88% a mais em unidades que há um ano.
  • HOT! Oppenheimer destacou o sucesso do iPhone dentro das empresas, dizendo ainda que a maioria das listadas na FORTUNE 500 as quais utilizam o smartphone desenvolvem apps para ele.
  • Cook está bastante satisfeito com a grade do aparelho — iPhone 3GS sendo oferecido de graça e o iPhone 4 custando R$100 (nos Estados Unidos, é claro). “Ambos contribuíram para atingirmos 35 milhões de unidades vendidas, o que se tornou nosso segundo maior trimestre de todos os tempos.”
  • Sobre os subsídios das operadoras, Cook disse que a Apple tem apenas um foco: fazer o melhor smartphone do mundo. Assim, ele acha que as operadoras vão querer oferecer o que os consumidores querem comprar.
  • O CEO disse que o iPhone é o aparelho que causa menos atrito para as operadoras, o que as ajuda a reter os clientes.
  • O designers da Apple trabalham duro para deixar o aparelho eficiente em consumo de dados, e Cook acredita que o iPhone é mais eficiente que a concorrência.
  • HOT! O executivo disse ainda que o iPhone é o aparelho que mais atrai consumidores a trocarem celulares normais por smartphones. Nesse cenário, todos ficam felizes com o resultado: consumidor, operadora e Apple.
  • HOT! Sobre a guerra de patentes, Cook disse que a odeia, mas ressaltou que as outras empresas têm que inventar suas próprias coisas/produtos. Ele preferiria entrar em acordos em vez de brigar, mas é importante que “a Apple não se torne a inventora para todo mundo”.
  • Para o próximo trimestre, Oppenheimer espera uma queda sequencial nos números, contudo, ainda acima do FQ3 2011 — mais do que normal, já que estaremos mais próximo do lançamento do novo modelo.

iPad

  • HOT! Foram vendidos 11,8 milhões de iPads no período, 151% a mais que no segundo trimestre fiscal de 2011.
  • HOT! O novo iPad está disponível em 40 países, com vendas muito fortes, disse Oppenheimer.
  • HOT! A Apple já vendeu 67 milhões de iPads; Macs demoraram 24 anos para vender essa quantidade; iPods, 5 anos; iPhones, 3 anos.
  • As receitas provenientes de iPads e acessórios para a tablet foram de US$6,6 bilhões, um aumento de 132%.
  • HOT! O iPad está muito popular no mercado educacional, e a Força Aérea dos Estados Unidos usará milhares de iPads para substituir os manuais de voo e afins, hoje impressos em papel.
  • HOT! Para instituições de ensino, a empresa vendeu mais de dois iPads para cada Mac.
  • Em março, a empresa viu o preço médio do iPad cair 7%, o que indica boas vendas do iPad 2 de 16GB, o qual está sendo oferecido por US$100 a menos que o novo modelo.
  • HOT! Apesar das boas vendas do iPad 2, a Apple continua vendendo muitas unidades do novo iPad. Segundo Oppenheimer, tudo que está sendo produzido é comercializado.
  • Cook está muito contente com o resultado das vendas do iPad 2, mas disse que ainda é cedo para tirar conclusões. Ele disse ainda que o fator preço é importante para os mercados educacionais e para alguns países.
  • HOT! A Apple ainda “enfrenta problemas” na produção do novo iPad — ela ainda está no máximo, pois a demanda está forte.
  • Sobre mesclar o Mac com o iPad, Cook disse: “Qualquer coisa pode ser forçada a uma convergência, mas produtos são trocas. Você pode mesclar uma torradeira com um refrigerador, mas isso provavelmente não será prazeroso para o usuário.”
  • HOT! Cook disse que o iPad está em todo os lugares, e que os apps são muito importantes. Ele espera que o ecossistema fique cada vez melhor, assim como o produto — “o limite não é visível”.
  • HOT! 94% das empresas listadas na FORTUNE 500 estão testando/usando o iPad, assim como 74% das 500 empresas mundiais.

Mac

  • HOT! Foram comercializados 4 milhões de Macs, 7% a mais que há um ano.
  • Cook disse que o trimestre foi difícil para o Mac em 2011, quando a Apple introduziu novas máquinas. Além disso, o trimestre de dezembro teve 14 semanas, o que distorceu os números.
  • HOT! Cook acha que o iPad canibalizou o Mac, e que o mercado está lento, mas que o segmento é muito grande.
  • HOT! Cook disse ainda que existe um ótimo mercado para o MacBook Air, e que a empresa continua inovando no produto. Ele afirmou que o MBA tem um apelo para quem busca diferentes requerimentos do iPad.
  • Perguntado mais uma vez sobre a convergência entre Macs e iPads, Cook disse: “Nós não entraremos nessa festa. Outros poderão.”

iPod

  • As vendas de iPods caíram 15%, totalizando 7,7 milhões.
  • HOT! Os iPods touch são responsáveis por mais da metade das vendas.
  • Mesmo com a queda de 15%, Oppenheimer disse que as vendas durante o trimeste foram melhores que o esperado.

iOS, [Mac] App Store, iTunes e iCloud

  • HOT! Oppenheimer afirmou que o iCloud hoje conta com 125 milhões de usuários.
  • O foco não é vender espaço em nuvem, e sim facilitar a vida dos usuários.
  • Oppenheimer se mostrou contente com a adição de conteúdo na iTunes Store. “Isso é algo que temos que fazer país por país, por isso leva um pouco de tempo.”
  • HOT! A Apple tem o maior catálogo de músicas e de filmes do mundo, com 28 milhões de faixas, 45.000 filmes e receitas na casa de US$1,9 bilhão para o trimestre.
  • HOT! Ao todo já são mais de 365 milhões de iGadgets no mundo.
  • São agora mais de 600.000 aplicativos disponíveis na App Store, sendo mais de 200.000 específicos para o iPad.

Apple Retail Stores

  • HOT! O faturamento das lojas da Apple foi de US$4,4 bilhões, o segundo maior da empresa.
  • HOT! Foram vendidos 826 mil Macs nas lojas da Apple, contra 790 mil há um ano; metade dos compradores são pessoas que nunca tiveram um Mac.
  • HOT! A média de faturamento por loja foi de US$12,2 milhões, um aumento de 22% ano a ano.
  • HOT! 85 milhões de pessoas passaram pelas Apple Retail Stores no trimestre; no trimestre anterior, foram 71 milhões.
  • Sobre as minilojas, Cook disse que a Apple está experimentando algumas coisas, e que não espera ter lojas em 10.000 Walmarts.
  • Atualmente são 363 Apple Retail Stores, um terço delas fora dos Estados Unidos.

Segmentos regionais

  • HOT! As receitas na China foram de US$7,39 bilhões. Comparativamente, as receitas do primeiro semestre fiscal de 2012 foram de US$12,4 bilhões. Cook chamou o feito de “incompreensível”. 😛
  • A demanda pelo iPhone 4S e pelo iPad 2 continua forte na China — por enquanto, o novo iPad está à venda apenas em Hong Kong.
  • HOT! O “Efeito Halo” do iPhone e do iPad está incrível na China, onde as vendas de Macs cresceram 60% ano a ano.
  • Diversas pessoas estão mudando de classe na China, e isso é uma ótima oportunidade não só para a Apple como para várias empresas. Cook disse que a Maçã está fazendo de tudo para entender o mercado e conseguir os melhores resultados, por lá.
  • Falando da Espanha, Cook disse que a Vodafone mudou sua política de subsídio. As receitas no país foram baixas, um pouco menores que outros países da Europa. Contudo, o executivo disse que o desempenho nada tem a ver com o subsídio, e sim com a terrível situação econômica do país.

Projeções para o próximo trimestre

  • São esperadas receitas de US$34 bilhões e ganhos por ação diluída de aproximadamente US$8,68.
  • A margem bruta para o FQ3 2012 deve ser de 41,5%.

·   ·   ·

Com lucros de US$11,6 bilhões, a Apple agora tem um caixa total de mais de US$110,2 bilhões, sendo US$74 bilhões fora dos Estados Unidos.

Na expectativa destes resultados, a NASDAQ:AAPL fechou o dia cotada a US$560,28 (queda de 2%); nas negociações pós-fechamento, porém, ela se aproximou dos US$604 (aumento de 7,77%), levando o market cap da Maçã para acima dos US$522 bilhões.

[via AppleInsider]

Posts relacionados

Comentários