↪ Barclays: novos MacBooks Pro com armazenamento NAND deverão estimular bastante a procura por Macs

Mockup de novos MacBooks Pro mais finos

Mockup de novos MacBooks Pro mais finos

Ben Reitzes, do Barclays, sobre novos MacBooks Pro com NAND:

[Eles deverão] estimular a demanda trimestral por Macs em até 1 milhão de unidades incrementais numa base run rate — abocanhando um ponto percentual da fatia de PCs baseados em HDDs.

O analista é mais um que acredita que a nova linha de laptops profissionais da Apple poderá seguir os MacBooks Air, adotando memórias flash (isto é, SSDs) para armazenamento de dados. Ele manteve uma classificação de “sobrepeso” para as ações da Maçã, com um preço-alvo de US$750. [Barron’s]

Posts relacionados

Comentários