↪ Dica de leitura: 20 anos depois, um review do Newton MessagePad

John Sculley segurando um Newton

John Sculley segurando um Newton

Publicidade

Quando [Steve] Jobs decidiu fechar a divisão do Newton, telas coloridas ainda eram inacessíveis, a entrada via toque era bruta e a transmissão de dados sem fio não era muito mais emocionante do que duas vias de paginação. Quando ele lançou o primeiro iPhone, 9 anos depois, a tecnologia permitiu à Apple construir o tipo de aparelho que ele queria criar na década de 1990, mas não conseguiu. Ele pode ter matado o Newton, mas não matou o sonho por trás dele, e sim pressionou um botão gigante de pausa — depois de finalmente passar um bom tempo com um MessagePad, estou mais convencido do que nunca que ele fez a escolha certa.

Em 1992, John Sculley — até então CEO da Apple — anunciou na Consumer Electronics Show (CES) que sua empresa lançaria um PDA (Personal Digital Assistant, ou Assistente Digital Pessoal). Ele seria mais fácil de usar do que um PC e custaria menos de US$1.000. Hoje, 20 anos depois, Harry McCracken teve a oportunidade de pôr as mãos em um Newton, escrevendo um review sobre ele. [Techland]

[via MacStories]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…