Aplicativo 30/30 para iOS tenta emplacar na App Store uma espécie de modelo “donationware”

30/30 - iPad e iPhone

Chegou ontem à App Store um novo aplicativo para iPads e iPhones/iPods touch que já inova até mesmo em seu nome: é o 30/30, da Binary Hammer.

O nome não poderia ser mais adequado: a proposta do 30/30 é incentivar o usuário a realizar múltiplas tarefas em tempos pré-determinados, normalmente padronizados em 30 minutos — mas você pode ajustar o cronômetro para qualquer coisa entre 1 minuto e 1 hora.

30/30 - iPad e iPhone

Some isso a uma interface bacana (compatível com telas Retina), gerenciamento com gestos multi-touch e outros, e temos um app que promete ser campeão.

Mas é aí que está: o 30/30 é gratuito na App Store [1,2MB; requer o iOS 4.2 ou superior], e *sempre* será. Mas você pode pagar por ele, se achar que a desenvolvedora merece receber alguma coisa pelo seu trabalho.

A ideia é muito similar à do Humble Indie Bundle, por exemplo: você paga se quiser e quanto quiser. No caso do 30/30, há três In App Purchases disponíveis: por US$1 você dá um “Bundle of Thanks”, por US$2 um “Heap of Thanks” e por US$3 um “Boatload of Thanks”.

A Binary Hammer tomou muito cuidado sobre como apresentar isso no aplicativo, visto que a Apple não permite que desenvolvedores aceitem doações. Como as In App Purchases em questão não adicionam absolutamente nada em termos de recursos no app nem retiram propagandas, por exemplo, é quase como isso — só que não pode ser caracterizada por doação, já que a empresa não é uma organização sem fins lucrativos e a compra deixa claro que o usuário não “desbloqueará” nada no aplicativo.

E aí, será que pega?

[via guardian.co.uk]

Posts relacionados

Comentários