Em novo relatório sobre o mundo dos apps, Distimo analista mercados emergentes — incluindo o Brasil

Logo - Distimo

Em seu mais novo relatório sobre o mundo móvel, a Distimo resolveu se focar desta vez em mercados emergentes de apps — falando especificamente sobre Brasil, Rússia, México e Turquia.

Logo - Distimo

“Todos os desenvolvedores que trabalham para múltiplos mercados deveriam ficar de olho nesses países, visto que eles demonstraram fortes crescimentos durante o último ano e provavelmente irão continuar ou até acelerar essa subida”, disse a firma de pesquisas.

Alguns dos destaques:

  • Excluindo países do leste asiático, esses quatro compreendem os mercados de maiores crescimentos em termos de receita gerada na App Store para iPhone, com taxas de crescimento anuais que variam de 54% a 115%.
  • Já na App Store para iPad, as taxas de crescimento em receitas com apps nos quatro países cresceram de 76% a 91% desde setembro de 2011.
  • Desde que jogos foram disponibilizados na App Store para iPhone brasileira, em abril de 2012, suas receitas cresceram mais de 80% em apenas um mês. O Brasil é agora o maior mercado de apps na América Latina.
  • No Brasil e na Turquia, apps da categoria Livros (Books) estão entre os menos populares.
  • O modelo de negócios para apps mais bem-sucedido no Brasil e no México é o de aplicativos pagos sem In App Purchases.

Confira alguns gráficos da pesquisa — a qual, vale notar, baseou-se nas receitas obtidas pelos 200 aplicativos mais lucrativos das lojas:


Distimo sobre mercados emergentes de apps


Distimo sobre mercados emergentes de apps


Distimo sobre mercados emergentes de apps


Distimo sobre mercados emergentes de apps


Distimo sobre mercados emergentes de apps


Distimo sobre mercados emergentes de apps


Distimo sobre mercados emergentes de apps


O novo relatório completo da Distimo pode ser baixado aqui.

Posts relacionados

Comentários