Apple é criticada por práticas de pós-venda na China

Bandeira da China em iPad

Bandeira da China em iPadA China é um dos mercados onde a Apple tem investido bastante recentemente, chegando a alcançar o segundo lugar no segmento de smartphones no país. Todavia, ela também tem sido duramente criticada por suas práticas de pós-venda.

Consumidores estão reclamando das políticas de reparos de aparelhos dentro da garantia. Segundo eles, a Apple utiliza peças usadas ou recondicionadas em consertos de aparelhos com defeito, e que os componentes trocados não são devolvidos para o consumidor.

Essas práticas vão de encontro com os regulamentos nacionais de conserto e retorno de telefones celulares da China, os quais estabelecem que as empresas devem reparar os produtos com peças novas, renovando a garantia do produto se ele estiver dentro dela. De acordo com esses regulamentos, a empresa também deve substituir o produto ou reembolsar o consumidor caso ele tenha que ser reparado uma terceira vez.

A situação já se arrasta desde o final de junho e, como a Apple concordara em alterar sua política de garantias na Coreia do Sul, os chineses provavelmente acham que podem conquistar algo semelhante. E, de fato, merecem.

[via China Daily]

Posts relacionados

Comentários