Confira as últimas notícias do julgamento envolvendo Apple e Samsung

Samsung F700

As notícias sobre o julgamento de Apple e Samsung continuam pipocando por aí. Abaixo, você confere um resumo das últimas informações sobre o assunto:

Publicidade
  • Lembra da história que a Samsung destruiu evidências do caso? Pois a Apple reforçou isso, dizendo para o júri que dois tribunais federais já descobriram que a sul-coreana sumiu com documentos importantes de casos semelhantes.
  • Christopher Stringer, designer da Apple que já comentou um pouco sobre o processo criativo da empresa, falou sobre alguns protótipos da Maçã. O The Verge resolveu juntar todos eles em uma galeria, totalizando 32 modelos de iPhones e 6 de iPads.
  • Nesta semana informamos também que a juíza Lucy Koh ficou furiosa ao saber que a Samsung vazou evidências não-autorizadas do julgamento para a imprensa. Hoje a companhia respondeu [PDF], dizendo que a informação era de domínio público, pois já havia sido publicada — ou seja, ela não teria violado ordens judiciais. A Apple reclamou, dizendo que as informações poderiam influenciar o júri, mas a Samsung rebateu, afirmando que júri foi instruído a ignorar a mídia. Ainda assim, a Maçã está buscando sanções contra a Samsung pela questionável atitude — os advogados da Apple querem o fim do julgamento, com vitória para a firma de Cupertino, é claro (algo bem difícil de acontecer).
  • Ainda sobre as evidências vazadas, as informações envolvem o smartphone F700, que teria um design similar ao do iPhone, mas que a Samsung diz ter documentos internos os quais provam que ele foi desenvolvido antes do aparelho da Apple (em meados de 2006). Abaixo, uma imagem do aparelho — tire suas próprias conclusões quanto a similaridades:

Samsung F700

  • O Network World achou documentos os quais mostram que a Apple vislumbrou, lá no começo, um iPhone feito de vidro curvo — conforme vimos em protótipos. Contudo, devido ao alto custo e à fraca qualidade do vidro, descartou-se a ideia na época.
  • A “trollagem” da Samsung não deu certo. No fim de 2008, ela apresentou uma teoria de que iPads foram copiados da produção 2001 – Uma Odisseia no Espaço (2001 – A Space Odyssey), de Stanley Kubrick. A juíza negou a utilização de imagens do filme, alegando ser uma teoria inválida. 😛

De uma coisa não podemos reclamar: disputas judiciais como essa são chatas, mas até que algumas informações bacanas estão aparecendo nessa história, como essa dos protótipos, iPhones com vidro curvo, etc.

[via CNET News: 1, 2, 3; Fortune Tech, Cult of Mac, FOSS Patents]

Posts relacionados