Malware “Crisis” agora infecta OS X, Windows, Windows Mobile e até máquinas virtuais

Malwares Trojans Worms no Mac

Há quase um mês, falamos aqui no site sobre o “Crisis”, um cavalo de Troia que ameaçava infectar Macs sem sequer pedir a senha do administrador. Apesar de perigoso, o malware — que se instalava através de um applet Java — não tinha infectado usuários.

Publicidade

Malwares Trojans Worms no Mac

A Symantec anunciou nesta segunda-feira, porém, que ele pode se espalhar tanto por máquinas rodando o OS X quando por computadores utilizando o Windows, celulares com Windows Mobile instalado ou até máquinas virtuais.

A ameaça usa três métodos para se espalhar: um é se copiar e criar um arquivo autorun.inf em um disco removível, outro é se instalar em uma máquina virtual da VMware, e o método final é jogar módulos em um dispositivo Windows Mobile.

Segundo a Symantec, esse malware é diferente da maioria, já que ele tenta infectar máquinas virtuais, algo que outros procuram evitar. Como o “Crisis” utiliza Remote Application Programming Interface (Interface de Programação de Aplicativo Remoto) para infectar celulares com Windows Mobile, smartphones com Android e iOS não correm risco.

A internet é como o mundo: precisamos ter cuidado onde pisamos, o que pegamos e aonde vamos. Então, a melhor forma de se manter protegido é ter bom senso, além de softwares de segurança e o sistema operacional sempre atualizado. Além disso, o novo OS X Mountain Lion possui uma função que protege seu Mac de softwares desconhecidos, chamada Gatekeeper.

Posts relacionados