A fim de melhorar seus mapas, Apple está atraindo empregados do Google

Mapas do iOS 6 em iPad e iPhones

Ninguém achou que seria fácil, para a Apple, construir uma solução proprietária de mapas assim, do zero. Contudo, em nenhum momento durante as demonstrações do serviço (tanto na WWDC 2012 quanto no evento de lançamento do iPhone 5) a Maçã nos alertou sobre esse começo “problemático”, falando apenas de quão bom são os novos mapas dela. Somente após muita polêmica, a empresa veio a público dizer que se trata de uma solução baseada na nuvem, e que quanto mais pessoas usarem, melhor ele ficará.

Publicidade

Mapas do iOS 6 em iPad e iPhones

A verdade é que ninguém lá em Cupertino deve estar gostando do que está vendo, ainda mais com a concorrência fazendo piadas sobre o assunto. Já sabemos, porém, que ela está recrutando engenheiros para melhorar seus mapas, e, de acordo com o TechCrunch, a firma de Cupertino está indo buscar alguns diretamente na fonte: Google.

Segundo uma fonte de Darrell Etherington, recrutadores da Apple estão atraindo empregados da gigante de buscas ligados diretamente ao Google Maps. Muitos deles estão enxergando isso como uma boa oportunidade, já que vão trabalhar na construção de uma nova plataforma, em vez de “apenas” melhorar/atualizar uma que já está bem completa — um desafio mais interessante. Como exemplo, um antigo líder de projeto de mapas do Google aceitou ir para Cupertino, ganhando cerca de US$85 mil/ano, tendo todas as despesas da mudança para a costa leste pagas pela Maçã.

A pergunta que fica no ar é: quanto tempo vai demorar para os mapas da Apple ficarem redondos, no iOS 6? E já que estamos falando disso, não custa saber: sua experiência com os novos mapas, até agora, foi boa ou ruim?

Posts relacionados