Hands-on: as primeiras impressões do MacBook Pro de 13 polegadas com tela Retina

MacBooks Pro com tela Retina (15 e 13 polegadas)

Os convidados do evento especial da Apple, realizado ontem no California Theatre, em San Jose, puderam colocar as mãos (hands-on) nos lançamentos da empresa logo após o término da apresentação. Muitos deles já compartilharam suas opiniões, e nós destacamos alguns.

MacBooks Pro com tela Retina (15 e 13 polegadas)

Confira as primeiras impressões do MacBook Pro de 13 polegadas com tela Retina:

Darren Murph, Engadget

Para começar, ele é descontroladamente fino. Não, não como um envelope, mas fino o suficiente para caber na maioria das pastas e mochilas sem que o consumidor perceba. Fora isso, ele é basicamente a versão encolhida do modelo de 15 polegadas lançado no verão [Hemisfério Norte]. O design unibody é compacto e, como sempre, o ajuste e o acabamento continuam impressionando. Na minha opinião, isto é o que a Apple fez para deliberadamente diferenciar o MacBook Pro de 13 polegadas do MacBook Air de 13 polegadas. Por um lado, usuários que anseiam por um laptop altamente portátil podem se alegrar; por outro, isso pode ser visto como motivo para a Apple restringir o uso de telas Retina à sua gama de produtos Pro.

Darrel Etherington, TechCrunch

Quanto à realização, ele é muito parecido com o MacBook Pro Retina de 15 polegadas, que é a minha máquina principal atualmente. Em contrapartida, no entanto, sente-se que ele é significativamente mais leve, cerca de 500g mais leve do que o modelo maior. Isso é uma grande diferença para uma máquina que você carrega com você todos os dias e pode influenciar alguns usuários, deixando a questão do preço de lado.

Vincent Nguyen, SlashGear

Já ficamos empolgados com os gráficos Retina no passado e o novo MacBook Pro oferece o mesmo impacto. O modo mais normal de uso na verdade não é esticar as coisas para 2560×1600 pixels, e sim oferecer uma resolução inferior, mas com gráficos mais suaves. O resultado são ícones mais nítidos e tipos de texto que você lutará para encontrar em um notebook Windows.

Nilay Patel, The Verge

Tivemos apenas um pouco de tempo para testar o desempenho, mas o [MacBook Pro com tela Retina de] 13″ só chegou a utilizar 50% da CPU quando rodamos o trailer de Homem de Ferro 3 em 1080p enquanto reproduzimos um arquivo multitrack do GarageBand e visualizamos um arquivo RAW de 21 megapixels no Aperture. Isso é impressionante — e muito encorajador, considerando os relativamente fracos gráficos integrados Intel HD 4000. Vamos ver como ele lida com uma carga de trabalho mais intensa (e normal) quando tivermos uma unidade de revisão, mas, por enquanto, parece que Apple fez um bom trabalho utilizando o poder disponível aqui.

Anand Lai Shimpi, AnandTech

Acabamos de passar algum tempo com o outro grande anúncio: o MacBook Pro com tela Retina de 13 polegadas. A máquina de 1,6kg é, obviamente, mais leve que o MacBook Pro com tela Retina de 15 polegadas, mas você abre mão de um processador quad-core e de uma GPU dedicada, o que o torna mais uma atualização para usuários do MBP de 13 polegadas do que uma alternativa ao MBP Retina de 15 polegadas. Ele também pode seduzir alguns usuários do MacBook Air de 13 polegadas.

Mark Spoonauer, LAPTOP Magazine

Enquanto outras fabricantes de notebooks estão ocupadas produzindo híbridos com telas sensíveis ao toque equipados com Windows 8, a Apple está trazendo sua tela Retina de cair o queixo ao laptop que você pode levar para qualquer lugar. O MacBook Pro com tela Retina de 13 polegadas (US$1.699) se sente como o ultrabook em pessoa, graças à sua tela de 2560×1600 pixels. Isso não é tão grande como o modelo de 15 polegadas (2880×1800 pixels), mas ainda é duas vezes maior que a sua HDTV. Tudo, desde imagens no Pixelmator aos textos em sites parecem muito mais nítidos nesta tela, o que envergonha todos os outros laptops.

Conforme dissemos, o MacBook Pro de 13″ com tela Retina mais básico custa R$7.000, podendo chegar a R$12.250. Ele já está disponível para compra na Apple Online Store brasileira, mas o prazo para saída do armazém está em 2-3 semanas.

Posts relacionados