Confira mais detalhes e benchmarks do A6X, processador que equipa iPads de quarta geração

Interior do processador A6X

A polêmica atualização do iPad trouxe poucas novidades e uma delas é o novo processador A6X, com duas vezes mais potência gráfica do que o A6. O AnandTech pôs as mãos no iPad de quarta geração e divulgou ainda mais detalhes sobre o novo processador, com direito a diversos testes comparativos de performance.

Clique na imagem abaixo para ampliá-la:

Interior do processador A6X

Foto do interior do A6X sob um microscópio, capturada pelo Chipworks.

Mais potente do que o chip presente no iPad de terceira geração, que tem dois núcleos ARM Cortex A9 rodando a 1GHz emparelhado a quatro núcleos PowerVR SGX 543 rodando a 250MHz, o A6X vem equipado com dois núcleos Swift, da Apple, rodando a 1,4GHz, junto a quatro núcleos do novo PowerVR SGX 554. Além disso, o processador do iPad de quarta geração continua utilizando a interface de memória de 128 bits do A5X, que se encontra mais próxima da GPU (graphics processing unit, ou unidade de processamento gráfico), em vez da CPU (central processing unit, ou unidade central de processamento) — como no A5 e A6.

Para mostrar a diferença computacional entre esses dois, o AnandTech também trouxe benchmarks com comparativos entre as gerações dos iPads e também com alguns concorrentes.

A6X - Egypt Classic Offscreen

Mostrando o resultado real desses números, o TechCrunch fez um vídeo, comparando a performance da terceira e da quarta geração da tablet da Apple.

Confira:

De geração em geração, a Apple melhora ainda mais os seus dispositivos, mesmo que seja apenas por dentro. Os resultados disso são tablets ainda mais rápidas, que fazem o usuário esperar cada vez menos para realizar as funções cotidianas.

Se você é ligado em computadores e tecnologia, principalmente no aspecto técnico da coisa, o artigo do completo do AnandTech é para você, já que ele está recheado de detalhes sobre o novíssimo processador A6X.

Posts relacionados

Comentários