Pocket, Instapaper e Readability: qual é o melhor app/serviço para “ler depois”?

Ícones - Readability, Pocket e Instapaper

Os aplicativos/serviços de “ler depois” surgiram da necessidade do usuário de salvar artigos para ler quando estiver sem conexão e também para salvar textos para ler mais tarde.

Publicidade

Ícones - Readability, Pocket e Instapaper

O precursor deles foi o Instapaper, até então um simples aplicativo para iPhones/iPods touch desenvolvido por Marco Arment. A partir da ideia inicial, ele foi tomando forma e ficando mais e mais completo, ganhando funções interessantes e até uma versão para iPads.

Depois dele, apareceram concorrentes que traziam a sua personalidade para a categoria. Atualmente, os dois principais são o Readability e o Pocket (antes conhecido como Read It Later), muito bem desenvolvidos e completos.

Publicidade

Como uso frequentemente esse tipo de serviço, me senti um pouco desnorteado enquanto ainda estava procurando a alternativa certa para mim. Para ajudar quem talvez esteja na mesma situação na qual eu estive, resolvi testar profundamente essas três opções. O resultado desta experiência, você lê a seguir.

Interface visual e experiência de usuário

Uma das partes mais importantes de um aplicativo é a sua interface visual, a camada com a qual o usuário interage diretamente. De nada adianta um ótimo programador criar um código perfeitamente otimizado se o usuário nem sequer consegue encontrar as funções e botões na tela, tornando a experiência algo frustrante.

Para mim, os três aplicativos trazem visuais interessantes e limpos, sem muitas distrações. Além disso, é fácil achar as configurações e as funções que você quer em todos eles.

Publicidade

Leitura no Pocket (iPhone e iPad)

O Pocket, porém, ganha de seus concorrentes. Na tela onde aparecem todos os seus artigos guardados, ele é o único que mostra as imagens principais de cada artigo. No iPad, a disposição dos textos que você salvou também é bem melhor do que a encontrada no Instapaper e no Readability. Os outros dois não mostram imagens e nem apresentam um design dinâmico; mostram apenas o título, um pequeno trecho de cada artigo e o site onde o artigo foi publicado.

Contudo, no Readability, as cores parecem se completar e o menu lateral deslizante é uma adição muito interessante. Para os meus olhos, ele é sem dúvida o mais bonito, mas não o mais funcional.

Publicidade

Leitura

Mais importante do que a tela inicial é como o personagem principal é apresentado, neste caso o texto. Nos três é possível escolher o tipo de fonte, o tamanho e também a cor da letra e do fundo. No Instapaper também é possível editar a distância entre cada linha e o tamanho da coluna de texto. Nesse aspecto, o Pocket é o que traz menos opções — apenas o suficiente.

Outra habilidade essencial nesse tipo de aplicativo é a capacidade de mostrar apenas o texto daqueles links, sem todas as distrações dos layouts dos sites modernos. Quem faz isso com a maior perfeição é o Pocket — o único que consegue apresentar também os vídeos incorporados nos artigos.

Leitura no Pocket (iPhone e iPad)

Mais um ponto positivo para o Pocket é a capacidade de dividir e classificar sua coleção através de etiquetas. “Economia”, “Tecnologia”, “Design”: você escolhe como organizá-los. Para mim, as etiquetas funcionam muito melhor do que as pastas do Instapaper, já que você pode se organizar de uma forma bem mais dinâmica. Apesar de já ser possível categorizar artigos guardados no Readability utilizando etiquetas, essa função só está disponível na versão desktop do seu site.

Se você planeja salvar artigos de sites que tenham restrições e conteúdo exclusivo para assinantes, o Pocket é a escolha certa. Ele é o único que traz a opção para você colocar sua credenciais de cada site. O Instapaper, contudo, tem uma interessante função de paginação, mostrando os artigos como se fossem livros no iBooks — no Pocket essa função é menos natural.

Compatibilidade e compartilhamento

Pocket, Instapaper e Readability só funcionam bem se você enviar artigos para eles. Por isso, todos os três contam com APIs públicas para que desenvolvedores de diversos tipos de aplicativos e até extensões de navegadores possam enviar links para serem armazenado neles.

No geral, os três são suportados por todos os aplicativos que oferecem a opção de salvar links para ler mais tarde, com apenas raras exceções. Logo, antes de escolher um deles, é importante ver também se seu cliente de Twitter preferido é compatível com cada um. Em todos também é possível enviar links por email, caso seu dispositivo/aplicativo preferido seja incompatível.

No quesito compartilhamento, o Readability é o que traz o menor número de opções. Apenas Twitter, Facebook, email, copiar e “abrir no Safari”. Tanto o Pocket quanto o Instapaper são compatíveis com dezenas de serviços diferentes, como Evernote, Tumblr e Pinboard.

No computador

Há quem prefira ler textos extensos e interessantes na tela do computador. Por isso, a integração desses serviços com esses dispositivos também precisa ser boa.

O Instapaper, o Readability e o Pocket têm seus sites adaptados para as telas maiores dos computadores e podem ser acessados de praticamente qualquer browser — independentemente do sistema operacional.

Entre eles, o menos interessante é o do Instapaper. Além de ser um pouco feio, ele não permite que você leia os artigos num ambiente sem distrações, direcionando o usuário diretamente para o link original do texto.

Tanto o site do Pocket quanto o do Readability trazem todas as funções presentes em seus aplicativos. Novamente a interface do Pocket é a mais interessante, já que os links estão dispostos num espaço dinâmico e ilustrado.

Pocket para Mac

Ele também é o único que tem um app oficial para Macs [grátis; 4,7MB; requer o OS X 10.7 ou superior e um processador de 64 bits], trazendo uma experiência nativa e parecida com a de suas versões para dispositivos móveis. Porém, algumas alternativas como o Words App [US$6; 1,4MB; requer o OS X 10.7 ou superior e um processador de 64 bits] são compatíveis com o Instapaper e o Readability.

Além dos artigos guardados

Além de guardar artigos para ler mais tarde, usuários também podem querer encontrar mais textos interessantes na web. O Instapaper e o Readability trazem essa opção, possibilitando a descoberta de novos autores, fontes e conteúdo interessante.

Readability e Instapaper

No app desenvolvido por Arment, o usuário pode navegar por uma seção de artigos escolhidos a dedo ou também pelos últimos textos compartilhados pelos seus amigos. Já o Readability mostra as publicações mais lidas e também uma lista do serviço Longform, o qual seleciona artigos que são ao mesmo tempo interessantes e grandes.

Placar geral

Fazer uma escolha entre todas essas opções foi algo bem difícil para mim. Cada um deles tem os seus defeitos e as suas qualidades, que costumam balancear a equação. O Pocket sem dúvida é o melhor serviço de “ler depois”, mas peca em algumas funções que fogem desse escopo. O Instapaper também é bem completo, mas seu design pode não agradar a todos. Já o Readability é o irmão mais simples, contudo é o que traz a melhor seleção de artigos e tem o visual mais bonito.

íco

Para cada usuário e cada necessidade, um é melhor do que o outro. Para mim, o que mais se adequou às minhas exigências foi o Pocket, já que eu uso bastante as suas funções de organização e ele é o único que mostra os vídeos incorporados nos artigos. Como eu também gosto das seleções do Instapaper e do Readability, ainda os mantenho nos meus dispositivos.

Algo que gosto no Pocket também é a sua extensão para o Chrome, para o Safari e para o Firefox, que permitem que eu salve facilmente artigos e links que acho interessante ou que quero ler mais tarde.

·   ·   ·

O Instapaper custa US$4 [13,6MB], o Pocket está disponível gratuitamente [10,4MB] e o Readability sai de graça na App Store [14,7MB]. Todos requerem o iOS 5.0 ou superior e são universais (compatíveis com iPads e iPhones/iPods touch).

Boa leitura! 😉

Posts relacionados