Apple apela da decisão que cancelou processo contra a Motorola

Logo do Tribunal de Apelação dos Estados Unidos

No dia 5 de novembro de 2012, a juíza Barbara B. Crabb cancelou o julgamento entre Apple e Motorola, rejeitando todo o processo. A única forma de a Apple “salvar” suas reivindicações era apelar, e foi exatamente isso que ela fez.

Se o Tribunal de Apelações aceitar o pedido, a juíza terá que retomar o julgamento. Caso seja negado, a Apple poderá apresentar uma nova determinação FRAND para impedir que o Google busque uma medida cautelar contra seus produtos — ontem a gigante de buscas entrou em acordo com a Comissão Federal de Comércio (Federal Trade Commission, ou FTC), afirmando que não buscará mais banimentos de produtos concorrentes baseados em patentes essenciais.

A discussão deste processo gira em torno de supostas infrações de patentes essenciais mas, segundo a firma de Cupertino, a subsidiária do Google está pedindo royalties exorbitantes para seus inventos.

[via AppleInsider]

Posts relacionados

Comentários