Com a nova geração de chips da Intel, duração da bateria do MacBook Air poderá chegar a 13 horas

Bateria do MacBook Air

No evento CES (Consumer Electronics Show) 2013, que está ocorrendo na cidade de Las Vegas, muitas fabricantes estão aproveitando a exposição que esta superfeira de tecnologia promove para anunciar novas linhas de produtos. E um dos grandes destaques mostrados até agora é a nova geração de processadores Core, da Intel.

Muitos esperavam um novo aumento de desempenho nesses novos chips, porém, ao que tudo indica, a eficiência energética será uma das principais prioridades da famosa fabricante daqui pra frente. Não que ela tenha deixado o quesito desempenho de lado, mas, de acordo com o Cult of Mac, a Intel foi fortemente repreendida pela Apple no que se refere a consumo de energia de seus processadores. Porém, com o anúncio de hoje, a firma de Cupertino deve ter ficado feliz com a notícia.

Bateria do MacBook Air

Segundo a Intel, o consumo de energia com o atual processador i5 no MacBook Air chega a 17 watts de potência. Com a nova geração o consumo cairá para 7 watts, o que pode resultar em uma autonomia de até 13 horas de bateria, praticamente semelhante à que vemos em iPads atuais!

E não é só isso: se a gigante de Cupertino adotar esses novos chips, as linhas de MacBooks Pro Retina também seriam beneficiadas com a autonomia da bateria, podendo chegar a 9 horas de duração. Espera-se que a Intel anuncie a quarta geração de seus chips para essas máquinas mais poderosas, também.

Posts relacionados