Saiba por que MacBooks [Air/Pro] às vezes demoram a retornar do repouso (e como melhorar isso)

MacBook Pro se abrindo

Talvez alguns de vocês não tenham notado, mas tanto os MacBooks Air quanto os MacBooks Pro mais recentes prometem até 30 dias de autonomia de bateria quando em repouso.

É claro que, em se tratando de laptops, chegar a isso não é algo muito simples.

MacBook Pro se abrindo

Para viabilizar isso, o que o OS X faz é colocar as máquinas em modo de hibernação (standby mode), o que é diferente de um simples de modo de espera/repouso (sleep). Quando isso acontece, todo o conteúdo da RAM do laptop é transferido para o seu disco rígido para que a memória de acesso aleatório possa ser temporariamente desligada.

Isso significa que, quando o usuário abre a tampa do MacBook, o sistema precisa de um certo tempo para religar a RAM e puxar esses dados do HDD. No geral, o processo dura de 5 a 15 segundos, o que não deixa de ser bastante perceptível. A tela até acende quase que imediatamente, mas o que aparece é uma screenshot do seu último estado antes de hibernar, então ela é “inútil”.

Felizmente, usuários podem mudar esse comportamento usando alguns comandos do Terminal. Ele encontra-se na pasta /Aplicativos/Utilitários/ do sistema, e vale notar que os comandos a seguir pedirão a senha de administrador do usuário para serem executados. Portanto, isso não é recomendado para novatos.

Desabilitando a hibernação

sudo pmset -a standby 0

Aumentando o tempo de entrada na hibernação

sudo pmset -a standbydelay 21600

O 21600 acima é o número de *segundos* que o sistema levará para sair do modo sleep para o standby. Ou seja, 21600 divididos por 60 nos dão 360 minutos, isto é, 6 horas. Da mesma maneira, se quiser mudar para 12 horas, você deve usar então 43200.

Por padrão, o OS X vem configurado para fazer isso após 70 minutos (1h10), ou seja, se você mudar a configuração hoje e depois quiser retornar ao estado original basta rodar o comando acima trocando o 21600 por 4200 segundos.

Verificando a configuração atual

pmset -g |grep standbydelay

E um comentário final: quem possui um MacBook Pro com tela Retina ou qualquer outro Mac personalizado com um drive de estado sólido talvez não deva sentir tanto essa demora supracitada, até porque o processo de transferência dos dados do SSD para a RAM acaba sendo bem mais rápido. Portanto não deixe de ponderar isso, já que a mudança acarreta obviamente em uma menor autonomia de bateria.

[dica do Cleri Aloisio Azevedo, via Ewal.net]

Posts relacionados