Apple pagará US$5(!) a pais cujos filhos tenham realizado In-App Purchases indevidamente

In App Purchase no iPhone

Há quase um ano a Apple tentou sem sucesso descartar um processo envolvendo crianças e In-App Purchases, mas no final a coisa não ficou tão feia para ela. Não é por menos, afinal, essa “falha” não era uma exclusividade do iOS.

In App Purchase no iPhone

A determinação judicial é de que a Apple pague US$5 (não faltou nenhum zero aí, são mesmo cinco dólares) em créditos da iTunes aos pais que tenham se sentido lesados por isso no passado.

Cerca de 23 milhões de usuários cujas contas na iTunes Store tenham adquirido algum jogo dentro desse escopo serão obrigatoriamente notificadas pela Apple, mas para obter o *grandioso* benefício a pessoa terá que provar que uma criança adquiriu “moedas virtuais” em games dessa forma e que ela não possuía a senha da App Store.

Pouco depois do escândalo, ainda em 2011, a Apple atualizou o iOS obrigando usuários a confirmarem suas senhas para a realização de compras dentro de aplicativos. Além disso, atualmente é possível bloquear totalmente as In-App Purchases via controles parentais. Com esses recursos, a Apple fica livre de qualquer acusação semelhante.

Considerando a quantia envolvida e os passos envolvidos para obtê-la, é possível que uma parcela muito pequena de usuários realmente vá atrás do benefício. Apenas os que registraram gastos indevidos acima de US$30, na época, poderão tentar obter um reembolso completo da Apple. Pela ordem judicial, os pagamentos provavelmente só ocorrerão no início de 2014.

[via GigaOM]

Posts relacionados

Comentários