Dica de leitura: conheça o fotógrafo Peter Belanger, responsável por imagens oficiais de diversos produtos da Apple

Peter Belanger

O fotógrafo Peter Belanger não é nenhum desconhecido nosso. Foi ele, por exemplo, quem fez aquele vídeo acelerado que mostra a produção, a confecção e a edição de uma das capas da revista Macworld destacando o iPhone (na época, o 3GS).

Publicidade

Peter Belanger

Só que não para por aí. Muitos dos iProducts que vemos no site da Apple foram fotografados por ele. Numa entrevista para o The Verge, Belanger explicou que a relação com a Maçã começou quando ele ainda trabalhava de freelancer para agências que tinham contas da Apple. Ao longo dos anos, porém, muitos dos designers e produtores dessas agências foram trabalhar para a firma de Cupertino, e como ele tinha uma relação bacana com eles, continuou sendo bastante requisitado.

Ele também descreveu como é trabalhar para a Apple:

A equipe da Apple sempre tem shot lists e esboços do que ela precisa muito bem definidos. Eu trabalho com o talentoso diretor de arte deles para transformar esses esboços em fotos. Nós começamos acertando a posição do produto e depois passamos para a iluminação. Como os produtos da Apple têm uma seleção de materiais muito cuidadosa, é bastante importante iluminá-los de uma forma que mostre os diversos materiais com precisão. Eu começo focando numa determinada área e penso em como aquele material precisa ser descrito. Uma vez que essa seção está pronta, eu avanço para a próxima. É por isso que meus sets ficam tão complicados! Eu preciso ter controle sob cada superfície para quando o cliente solicita um destaque maior [em determinada área], eu consiga fazer. É similar a trabalhar num arquivo de Photoshop: você não faz todo o seu trabalho numa única camada. Eu penso nas minhas luzes como camadas que podem ser ajustadas individualmente para que eu tenha os resultados desejados.

Peter Belanger segurando um display da Apple

Claro que em todo trabalho desse tipo rola uma grande pós-produção, mas Belanger procura fazer o máximo possível com suas câmeras. Como curiosidade, aqui vão os equipamentos e softwares que o fotógrafo utiliza.

Publicidade

Em estúdio, os escolhidos são: Phase One, Sinar X e Phase One 645. Para fotos externas, ele vai de Canon 5D Mark III. E se tivesse que escolher apenas uma lente, seria a 24-70mm, pois acha que ela fotografa bem em diversas situações. Seus equipamentos de iluminação são da Profoto e da Broncolor. Na área de softwares, ele usa o Aperture para a conversão de arquivos RAW e para guardar seus arquivos, Capture One para a primeira fase da conversão do RAW, Photoshop, xScope, Evernote, Dropbox (para se livrar ao máximo de papéis) e Blinkbid (para orçamentos e notas).

Para mais detalhes, não deixe de ler a entrevista completa no The Verge. 😉

Posts relacionados