Review: ereader Kobo Mini

Kobo Mini (ereader)

por Marcelo Alves

O Kobo Mini é o leitor de ebooks mais acessível da fabricante Kobo, e um dos mais baratos no Brasil. Quem vende o Kobo Mini por aqui é a Livraria Cultura, pelo preço de R$290 à vista ou em até 10 vezes de R$30.

Na “família” Kobo também temos o Kobo Touch, que é praticamente igual ao Mini, mas com uma tela de 6 polegadas e leitor de cartão microSD; além do Kobo Glo, que tem tudo o que o Kobo Touch tem mas com luz de fundo para leitura em ambientes pouco iluminados.

Kobo Mini (ereader)

O Kobo Mini tem uma tela de 5 polegadas, acompanha cabo para transferir arquivos e carregar o aparelho, possui Wi-Fi para atualizar suas estatísticas de leitura e sincronizar seus livros e 2GB de memória — descontando o sistema operacional, sobra mais de 1GB para os ebooks, algo em torno de 1.000 livros! A Kobo possui aplicativos para iPhone e iPad, bem como Mac e PC; é possível começar a ler um livro no Kobo e continuar em qualquer outro sistema.


Ícone do app Kobo Livraria Cultura

Kobo Livraria Cultura

de Kobo Inc.

Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 9.12 (186.7 MB)
Requer o iOS 9.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

Kobo Mini (ereader)

A tela do Kobo Mini é de e-ink, o que significa que não emite luz e quase não existem reflexos.

Kobo Mini (ereader)

Por ser uma tela menor que as dos outros ereaders, decidi ir até uma loja da Cultura para poder pegar nele e ver se me sentiria confortável lendo diariamente. Como já tinha imaginado, o tamanho é ótimo e quando comparado ao Kobo Touch, a diferença não é tão grande quanto pensei que seria.

Um dos grandes prós da linha Kobo é que podemos ler vários tipos de arquivos de qualquer fonte disponível, diferentemente do Kindle que ficamos presos à Amazon. Eu por exemplo tenho vários ePubs de várias fontes diferentes, como a própria loja da Kobo, a da Livraria Cultura. Também existem vários ebooks gratuitos em sites como o Projeto Gutenberg, entre outros.

A Kobo tem um software para sincronizar com Macs e PCs, mas você pode transferir os ebooks usando o Finder/Explorer. Eu gosto de usar o calibre, um software gratuito e muito fácil, que sincroniza livros e de edita metadados. Como o aparelho possui Wi-Fi, também é possível comprar livros diretamente por ele.

Kobo Mini (ereader)

Comprei meu Kobo Mini já faz mais de um mês, li Robinson Crusoe, O Guia do Mochileiro das Galáxias e estou terminando o segundo da série de Douglas Adams, O Restaurante no Fim do Universo. Só carreguei ele no dia em que comprei, e a bateria ainda está em 40%! Tenho usado-o quase diariamente em casa e no ônibus, e a experiência tem sido muito positiva.

Para quem ainda não experimentou ler num ereader, acho que vale a pena ir a uma loja e brincar um pouco com um. A velocidade de atualização da tela é rápida (mais do que virar uma página manualmente), a bateria é muito boa, é possível armazenar milhares de livros, o preço é bom e o espaço que o leitor ocupa é mínimo.

Kobo Mini (ereader)

Qualquer dúvida de vocês, responderei nos comentários! 😉

Posts relacionados

Comentários