Rumor: negociações teriam travado e “iRadio” poderá não ser lançado na WWDC 2013 [atualizado]

Música

Más notícias para quem está aguardando o lançamento do “iRadio”, suposto novo serviço de streaming de músicas da Apple. Nós já falamos bastante sobre ele aqui no MacMagazine e, até então, as negociações estavam difíceis, mas bem encaminhadas.

Música

Todavia, o The Verge informou hoje que, mesmo com a Universal querendo ver o lançamento o mais rápido possível, a Sony e a BMG estariam travando o acerto.

A primeira coisa que deve vir à cabeça de um monte de gente é: “Como o Google conseguiu lançar o Google Play Music All Access e a Apple ainda está nessa situação?” Na verdade, isso é mais fácil de entender do que parece. O serviço do Google é bem parecido com os já estabelecidos Spotify e Rdio, por isso as bases para um acordo já estavam conhecidas, definidas. Já a Apple pretende fazer algo parecido com o Pandora, mas misturando serviço de rádio com recursos on-demand, o que exige que um novo acordo seja escrito, do zero. Além disso, o Google teria concordado em adiantar o pagamento de royalties, enquanto a Apple se recusaria a fazer isso — ela teria concordado em pagar às gravadoras um percentual da receita com publicidade, uma taxa por música tocada e um mínimo garantido.

Será que dará tempo de a Apple apresentar o “iRadio” — ou seja lá qual for o nome do serviço — na WWDC 2013? Estamos na torcida, até porque o Google Play Music não está disponível no Brasil. Levando em conta que a iTunes Store e o iTunes Match já estão por aqui, é plausível acreditar que esse novo produto da Apple seja lançado em território nacional, também.

Atualização

A CNET News trouxe mais informações sobre os impasses do acordo entre Apple e Sony. Segundo eles, um dos principais detalhes é o valor que a Apple irá pagar por músicas fracionadas, ou seja, quando o usuário ouve apenas alguns segundos e pula para a seguinte. Outros pontos poderiam também estar gerando discórdia, mas esse seria o maior deles.

Posts relacionados