↪ Apple ganha processo iniciado em 2008 e “economiza” US$625,5 milhões

Suprema Corte dos Estados Unidos

Suprema Corte dos Estados Unidos

Publicidade

Não deu. Em 2010, a Mirror Worlds ganhou um caso contra a Apple — iniciado em 2008 — envolvendo infrações de patentes com os recursos Cover Flow, Spotlight e Time Machine. Em 2011, porém, a Maçã conseguiu reverter a situação mas a MW rapidamente recorreusem sucesso. Ela então tentou a sorte na Suprema Corte dos Estados Unidos, mas conforme informou a Bloomberg, mais uma vez não conseguiu comprovar as infrações da Apple, perdendo o processo de uma vez por todas. Com isso, a Apple “economizou” US$625,5 milhões (US$208,5 milhões para cada uma das três patentes que faziam parte da disputa). [AppleInsider]

Posts relacionados