Confira os resultados da primeira pesquisa Quaddro do mercado mobile no Brasil

Pesquisa Quaddro - Gênero

Conforme divulgamos em fevereiro passado, a Quaddro Treinamentos realizou sua primeira pesquisa do mercado profissional de mobilidade no Brasil, com o intuito de mapear tanto o perfil das empresas e programadores quanto dos clientes de projetos mobile. Durante três meses foram coletadas informações de 150 profissionais que trabalham diretamente com produção mobile no Brasil. A seguir, vocês encontram um resumo dos resultados.

Links para os relatórios completos:

Resumo

A intenção do estudo foi mapear o perfil dos profissionais envolvidos no desenvolvimento mobile no Brasil. O resultado final nos mostra dados bem expressivos em tópicos como gênero, faixa etária e localização dos profissionais.

Outra constatação foi a pouca experiência na área da maioria dos participantes, os quais declararam também que fazem parte de equipes enxutas em suas empresas. Essa tendência pode estar relacionada ao pouco tempo do mercado mobile no Brasil e à pequena quantidade de profissionais qualificados.

Por fim, notamos informações importantes quanto a remuneração, mostrando inclusive uma pequena diferença entre programadores e designers.

Síntese dos resultados

Gênero

Pesquisa Quaddro - Gênero

A pesquisa apenas confirmou uma estatística que a Quaddro já possuía com base nas matrículas de seus treinamentos. A maioria esmagadora de profissionais na área mobile é masculina. De maneira geral, essa é uma estatística compartilhada com outras profissões da área de TI, em que os homens nas posições técnicas geralmente são maioria.

Faixa etária

Pesquisa Quaddro - Idade

Sobre idade, fica clara a ampla faixa de profissionais entre 19 e 26 anos. Vale destacar também a pequena (porém significativa) faixa dos profissionais com menos de 18 anos.

Nos seus cursos, a Quaddro já teve inclusive alunos com 16, 15 e até 14 anos de idade. E não há dúvidas de que isso é tendência, uma vez que a geração atual já “nasce” com iDevices nas mãos.

Região

Pesquisa Quaddro - Região

Mais uma vez não houve surpresa sobre o maior mercado: São Paulo. Mas a diferença para os outros estados foi surpreendente. A quantidade de profissionais em SP se mostrou maior do que o valor de todos os outros estados juntos! Analisando por região, os pólos são Sudeste e Sul.

Área de atuação

Pesquisa Quaddro - Área de atuação

Seja pelo lado de “faça você mesmo” ou pela maior remuneração, a parcela de programadores é absoluta. Esse maior número também pode ser explicado pela complexidade de projetos, que exigem mais de um profissional para atender demanda e prazos.

Experiência mobile

Pesquisa Quaddro - Experiência mobile

Esse resultado confirma a ampla amostra de jovens no mercado. Mais impressionante do que saber que apenas 17% dos profissionais trabalham há três/quatro anos com mobile é saber que 41% do total está há menos de um ano na área! Um bom motivo para esse valor é o aspecto relativamente novo do mercado, principalmente no Brasil.

Equipe de trabalho

Pesquisa Quaddro - Equipe de trabalho

Foi perguntando aos participantes quantos profissionais — além deles — a área de mobile da empresa possuía. O resultado demonstra células de desenvolvimento extremamente enxutas, com parcela geral entre zero e três colegas de trabalho na área de mobile.

Possui negócio próprio

Pesquisa Quaddro - Possui negócios

Sobre empreendedorismo, foi perguntado sobre quem possui empresa própria, e dos que não tiverem quais têm intenção de criá-la.

Caso não tenha, pretende criá-lo

Pesquisa Quaddro - Abrir empresas

Apesar de a estatística atual (primeira imagem) mostrar um valor equilibrado entre os que possuem ou não negócio próprio, o segundo gráfico mostra que aqueles que ainda não têm estão fortemente interessados em criar uma empresa própria.

Como sempre, o espírito empreendedor do brasileiro se faz presente, ainda mais em um mercado que permite trabalho “independente”.

Perfil de clientes

Pesquisa Quaddro - Áreas de projetos

Apesar da diversidade de clientes, notam-se as maiores parcelas nas áreas bancária, imobiliária, rádio/TV, esportes e viagens. Um dado importante foi a baixa referência na área da educação.

Valores de projetos

Pesquisa Quaddro - Valores de projetos

Os resultados de valores foram bem significativos. Primeiro porque 27% dos profissionais declararam que não têm acesso ao valor que suas empresas cobram. Seguindo, 40% afirmaram que a maioria de seus orçamentos são de até R$10.000. Vale observar também os 5% que declararam valores de projetos maiores do que R$90.000.

Forma de remuneração

Pesquisa Quaddro - Regime de trabalho

Sobre o regime de trabalho e formas de pagamento, depois da parcela com salário fixo a maioria dos profissionais recebe ou por entrega de projeto ou por hora trabalhada. A parcela daqueles que possuem receitas oriundas de seus aplicativos é pequena.

Salário de programadores

Pesquisa Quaddro - Salário de programador

Uma das perguntas mais comuns daqueles que querem entrar na área foi respondida pela pesquisa da Quaddro. Se por um lado 31% dos programadores afirmam receber até R$2.000 de salário, 42% recebem entre R$2.000 e R$5.000; e 18% possuem salário superiores a R$7.000.

Sem dúvida nenhuma, esses valores variam de acordo com o nível técnico do programador, o tamanho da empresa e os tipos de projetos desenvolvidos. A título de comparação, a imagem a seguir mostra os salários de designers da área mobile:

Pesquisa Quaddro - Salário de designers

No caso dos designers, 27% recebem até R$1.000 enquanto 18% declararam receber mais de R$6.000 mensais. Novamente, essa variação depende de uma série de fatores tanto do profissional quanto da empresa e dos projetos criados. É importante notar que, em linhas gerais, as faixas de porcentagem são similares entre programadores e designers, com espaço para iniciantes e para profissionais experientes.

·   ·   ·

Existem muitos outros resultados e dados expressivos na pesquisa. Também foram coletadas informações como área de atuação antes de mobile, dificuldades de negociação com clientes, ferramentas e produtividade de programadores e designers entre outros.

Para mais informações, acesse a página de pesquisas e dados de mercado da Quaddro, onde foram disponibilizados os relatórios completos.

Posts relacionados