Apple teria cortado em até 30% a produção de iPhones 5c

iPhones 5c em pé

Recentemente, um rumor de que a Apple teria reduzido a produção do iPhone 5c pela metade (de 300.000 para 150.000 por dia) foi divulgado [Google Tradutor] pelo site chinês C Technology. A ideia de um ajuste na produção (tanto do iPhone 5c quanto do 5s) é algo normal, já que não é simples prever o comportamento e as escolhas de consumidores.

iPhone 5s dourado, deitado e de lado

O iPhone 5s dourado, por exemplo, fez muito mais sucesso do que a Maçã poderia imaginar e, por isso, a empresa rapidamente tratou de ajustar a produção, dando mais peso para a nova cor. Agora, tanto o Wall Street Journal quanto a Reuters afirmaram que o contrário aconteceu com o iPhone 5c, que estaria com uma demanda abaixo da estimada pela firma de Cupertino.

iPhones 5c com cases coloridas

Sendo assim, a companhia teria solicitado às parceiras Pegatron e Foxconn um corte de cerca de 20% e 30% respectivamente — de acordo com as fontes dos veículos, a Pegatron é responsável por dois terços da produção do aparelho.

Dificilmente a Apple comentará o assunto em público, mas não é difícil tentar entender o que aconteceu. São três, as possibilidades:

  1. A Apple “chutou” a previsão de vendas lá pra cima e agora está ajustando tudo para a realidade (níveis normais);
  2. A demanda ficou realmente abaixo do que a empresa esperava inicialmente;
  3. A redução supracitada é totalmente normal e já estava prevista desde o começo pela companhia.

Particularmente, levando em consideração o que estamos vendo com os estoques de iPhone 5s, acredito que a Apple dimensionou mesmo a coisa de forma errada. Acreditando na força de uma nova linha composta por dois novos modelos, a Maçã provavelmente acreditou que o iPhone 5c teria um apelo maior — não custa lembrar que, no passado, a estratégia da empresa era a de manutenção de gerações antigas do aparelho.

Sim, se compararmos, os iPhones coloridos de policarbonato (posicionados modelos intermediários, já que numa ponta temos o iPhone 4s e na outra o 5s) venderam mais do que o iPhone 4s (que em 2012 ocupava essa posição intermediária, entre o iPhone 4 e 5). Todavia, os números não foram tão maiores assim — e é exatamente aí que deve estar o furo na conta da Apple, na humilde opinião deste editor.

Posts relacionados