Apple vende 33,8 milhões iPhones e bate um novo recorde em seu quarto trimestre fiscal de 2013

Logo da Apple

Logo da AppleA Apple anunciou agora há pouco seus resultados financeiros referentes ao quarto trimestre fiscal de 2013, cujo período foi finalizado em 28 de setembro de 2013.

A companhia divulgou uma receita trimestral de US$37,5 bilhões, com lucros de US$7,5 bilhões — ou US$8,26 por ação diluída. Os resultados comparam-se a US$36 bilhões, US$8,2 bilhões e US$8,67, respectivamente, no mesmo período de 2012. A margem bruta no trimestre foi de 37%, contra 40% no quarto trimestre fiscal de 2012.

No período, a Apple vendeu 33,8 milhões de iPhones (um recorde para o período), contra 26,9 milhões há um ano. Foram vendidos 14,1 milhões de iPads — em 2012, no mesmo trimestre, ela vendeu 14 milhões de tablets. A empresa também comercializou 4,6 milhões de Macs, contra 4,9 milhões em 2012. Assim como nos últimos trimestres, a Apple não divulgou os números de vendas de iPods no comunicado para a imprensa.

O conselho de administração da Apple declarou um dividendo em dinheiro de US$3,05 por ação comum, o qual será pago em 14 de novembro de 2013 aos acionistas registrados no fechamento dos negócios em 11 de novembro de 2013.

Declaração de Tim Cook, CEO da Apple:

Temos o prazer de relatar um forte final para um ano incrível, com uma receita recorde para o quarto trimestre, incluindo vendas de quase 34 milhões de iPhones. Estamos muito animados entrar no período de férias com os nossos novos iPhone 5c e iPhone 5s, iOS 7, o novo iPad mini com tela Retina e o iPad Air incrivelmente fino e leve, os novos MacBooks Pro, o radical novo Mac Pro, o OS X Mavericks e a nova geração de aplicativos iWork e iLife para OS X e iOS.

Já Peter Oppenheimer, CFO da empresa, disse:

Nós geramos US$9,9 bilhões em fluxo de caixa de operações durante o trimestre e estamos satisfeitos por termos devolvido US$7,8 bilhões em dinheiro aos acionistas através de dividendos e recompras de ações no trimestre de setembro, culminando num valor acumulado para o nosso programa de retorno de capital de US$36 bilhões.

Para o primeiro trimestre fiscal de 2014, a Apple prevê uma receita entre US$55 e US$58 bilhões, margem bruta entre 36,5% e 37,5%, gastos operacionais entre US$4,4 e US$4,5 bilhões, outras entradas/gastos de US$200 milhões e uma taxa de impostos de 26,25%.

Aos que quiserem acompanhar, começou às 19 horas a conferência em áudio, via QuickTime, para divulgar e comentar todos esses resultados, bem como responder a questionamentos de alguns jornalistas. Mais tarde, traremos aqui para o site tudo de importante que rolar por lá.

Posts relacionados

Comentários