Case/teclado da ZAGG transforma o iPad Air em um belo e poderoso ultrabook

iPad Air Folio Keyboard, da ZAGG

por Renato Alan Promenzio

Em janeiro passado, quando voltava do trabalho, fui assaltado na porta de minha antiga casa. Levaram meu iPhone 5, meu ultrabook da Sony, minha mala… tudo, tudo novo. Como meu trabalho exige propostas, emails, anotações e afins, a perda foi imensa. Depois disso pensei bastante em uma forma de minimizar os danos, caso isso ocorresse novamente — infelizmente é assim que devemos fazer aqui no Brasil. Então me veio a pergunta: como ter tudo o que preciso, de forma simples e compacta, e com um menor custo de investimento?

A resposta veio quase um ano depois, mais precisamente no dia 1º de novembro, data de lançamento do iPad Air. Então, pensei como poderia digitar de forma simples, protegendo o meu novo iDevice ao mesmo tempo. Foi então que conheci a iPad Air Folio Keyboard, da ZAGG.

 iPad Air Folio Keyboard, da ZAGG

O acessório agrega tudo de que eu preciso (com agilidade e segurança) de uma maneira bem elegante. As especificações falam por si só: capa com design moderno, a qual permite que você coloque o seu iPad em um modo de leitura conveniente; dobradiça única que oferece mais de 130° de ângulo de visão; bateria poderosa, com até três meses de uso entre as cargas[1]; teclas retroiluminadas em cores intercambiáveis, ​​tornando a digitação em áreas de baixa luminosidade bem confortável; e teclas com funções especiais.

 iPad Air Folio Keyboard, da ZAGG

Juntando a performance do iPad Air com a praticidade do Folio Keyboard, acredito que finalmente consegui a otimização dos gadgets que eu tanto procurava. Na verdade, levando em consideração o peso do iPad Air (469 gramas no modelo Wi-Fi; 478 gramas no Wi-Fi + Cellular), eu agora consigo andar com uma mochila ainda mais leve.

 iPad Air Folio Keyboard, da ZAGG

Com o Folio Keyboard da ZAGG, eu consegui o que eu preciso: agilidade, rapidez e proteção — tudo isso com um baixo custo de investimento, já que o iPad Air sai mais em conta que um ultrabook e a capinha/case/teclado custa US$100 (sem contar impostos).

Agora adicione tudo isso ao iOS 7 e à oferta gratuita de apps da Apple[2]. Conclusão: eu posso fazer praticamente tudo que preciso! 🙂


  1. Se você utilizar o recurso de luz de fundo constantemente, isso obviamente impactará a duração da bateria, exigindo recargas mais frequentes. ↩
  2. iPhoto, iMovie, GarageBand e, principalmente, Pages, Numbers e Keynote. ↩

Posts relacionados