Windows Phone 8.1 traz suporte a tíquetes do Passbook, da Apple

Passbook - iPhone 5s

Passbook - iPhone 5sMuito provavelmente você conhece ou já ouviu falar do Passbook. Não? Eis a descrição da Apple para o recurso:

O Passbook mantém itens como cartões de embarque de empresas aéreas, ingressos de cinema e vales-presente em um só lugar, permitindo que você use seu iPhone ou iPod touch para fazer check-in em um voo, entrar no cinema, resgatar um cupom e muito mais.

Infelizmente não são muitas, as empresas instaladas aqui no Brasil que utilizam o recurso. Digo isso pois ele é uma tremenda mão na roda para quem gosta de manter organizado digitalmente, guardando cartões de embarques, ingressos e outras coisas num só local — nós falamos sobre algumas experiências com o app nos posts abaixo:

Pois algo inusitado aconteceu. Ao atualizar o Windows Phone para a versão 8.1, a Microsoft tornou seu sistema operacional móvel compatível com o recurso da Apple, colocando todos os tíquetes dentro da Microsoft Wallet. O iMore explicou bem a coisa:

Os tíquetes do Passbook são apenas uma coleção de informações renderizadas em um cartão e exibidos no aplicativo Passbook, da Apple. Pense nesses arquivos de tíquetes como informações em HTML, CSS, JavaScript e outros dados que compõem uma página web, e o app Passbook como o navegador que processa a página real. Parece que o Windows Phone 8 está pegando os mesmos dados e renderizando em forma de cartão, colocando-o dentro da Microsoft Wallet.

Windows Phone 8.1 rodando um cartão do Passbook

Infelizmente usuários de aparelhos com Windows Phone muito provavelmente não contam com os alertas emitidos através desses cartões (como uma mudança de portão ou do horário de embarque de um voo, por exemplo), mas não deixa de ser uma notícia surpreendente.

Resta saber se a Apple vai encarar isso com bons olhos ou se vai bater de frente com a Microsoft, fazendo-a abandonar esse suporte. Por que ela poderia fazer isso? Existem vários motivos para isso. Um deles é o fato de que o Passbook é um recurso do iOS (iPhones/iPods touch) e que — odeio essa palavra, mas aqui vai — agrega valor ao sistema.

Por outro lado, eu queria muito acreditar que Apple e Microsoft estão nessa juntas e que ambas estariam trabalhando para tornar o recurso “universal”, ou seja, compatível com ambos os sistemas operacionais. Fazendo isso, a probabilidade de mais e mais empresas adotarem o Passbook como uma alternativa digital a ingressos, tíquetes e cupons muito provavelmente cresceria, beneficiando muitos usuários.

Mas ainda que as empresas tenham se abraçado no lançamento do Office para iPads — com direito a CEOs trocando mensagens no Twitter —, acho muito difícil isso acontecer.

Posts relacionados

Comentários