Nova geração de “senhas” para IDs Apple está em desenvolvimento avançado e pode já estar presente no iOS 8 e/ou no OS X 10.10 [atualizado]

Patente novo sistema de desbloqueio

Como sempre lembramos, o MacMagazine separa bastante o joio do trigo — não cobrimos qualquer rumor, opinião de analista ou registro de patentes. Mas quando recebemos uma informação de uma pessoa que sabidamente tem propriedade no assunto, e ainda vemos a “coisa” funcionando na prática, a situação muda — principalmente quando se encaixa com uma informação que ignoramos anteriormente, visto que, pura, não dizia muito.

Na semana passada, o AppleInsider divulgou uma patente que a Apple registrou a qual, convenhamos, lembra bastante o sistema de desbloqueio já existente há muito tempo no Android.

Patente novo sistema de desbloqueio

Nessa patente fica sugerido que, mais uma vez, a Apple teria pego algo já existente e criado uma série de novos recursos e utilidades; segundo nossas fontes, foi exatamente isso que ela fez. Nos contaram que o novo sistema para desbloquear o iPhone é muito mais sofisticado, e seu objetivo seria substituir a clássica senha dos IDs Apple (oito caracteres, com no mínimo uma letra minúscula, uma maiúscula e um número).

A interface é, sim, muito semelhante à do Android, mas os recursos e objetivos estão em um outro patamar. A começar pelo que está envolvido: a nova assinatura eletrônica não trabalharia sozinha, você cadastraria seus iDevices e aqueles que fossem compatíveis com Touch ID serviriam como auxilio da confirmação — imagino que, para adicionar outros iGadgets, Macs e Apple TVs à lista de aparelhos associados, você passaria a poder autorizar compras, por exemplo, tanto com o “desenho” quanto com a digital e, em casos específicos — como compras em Apple Stores (físicas ou virtuais) —, os dois.

Quem não possui um iPhone 5s continuaria podendo usar o sistema, mas para compras em que o Touch ID fosse necessário a senha ainda seria requerida, o que nos leva a crer que essa migração seria gradual. Neste ano, muito provavelmente deveremos ver o Touch ID chegando a mais aparelhos, incluindo iPads.

Tivemos o privilégio de ver o sistema funcionando na prática, com uma interface ainda bem “provisória”: basicamente a tela fica toda embaçada (“I see iOS 7 blur everywhere…”) e com nove bolas brancas. Tanto o desenho quanto a notificação no iPhone para posicionamento do Touch ID ocorrem de forma bem fluida, e nos deu a impressão de que o sistema está bem redondo. Resta saber se no dia-a-dia das pessoas que estão o experimentando também está sendo assim.

Esse projeto não nasceu agora, é algo que já está em desenvolvimento há bastante tempo, só que nos últimos meses passou a um estágio quase final: a Apple convocou diversas pessoas — não só do alto escalão, mas também empregados “medianos” dentro dos seus campi, em escritórios e até mesmo em Retail Stores — e substituiu suas senhas pelo novo sistema de assinatura eletrônica. Os beta testers foram instruídos a usarem o máximo possível o novo padrão, e registrarem qualquer problema ou desconforto.

Além dessas instruções, esse grupo de empregados foi informado que “a chance de o recurso ser implementado já nas próximas grandes atualizações do iOS e do OS X existe, e que depende apenas do resultado dessa nova e avançada etapa” de testes.

Não sei dizer se, por ainda(?) estar sendo testado em volume pelos empregados, isso seria um indício de que só veremos a implementação real num futuro mais distante, mas pelo que eu vi da fluidez do sistema acho forte a possibilidade de a novidade já ser apresentada no dia 2 de junho, na keynote de abertura da WWDC — ou no mais tardar em setembro, naquele evento onde a Maçã recapitula as novidades dos novos sistemas operacionais e apresenta as últimas novidades antes de liberá-los para o grande público.

Atualização · 14/07/2014 às 16:42

Recebemos uma imagem do que parece ser o novo sistema já funcionando em um iPod touch:

Senha usada em Apple Store

A versão é menos avançada em relação à que eu tinha visto anteriormente, até mesmo por não contar com a integração do Touch ID — talvez seja só por incompatibilidade técnica com o iPod, ou ainda que nem todos os recursos estejam disponíveis a todos os beta testers.

Meu palpite é que a Apple tenha juntado dois fatores para dar uma “segurada” nesse projeto, o primeiro deles seria que esse seja um dos recursos “empurrados” para um update próximo, e em segundo (que julgo ser bem mais provável) é que eles queiram testar massivamente com seus funcionários para terem certeza de que o recurso está maduro o suficiente para lançamento público.

Posts relacionados

Comentários