Aplicativo Jobr funciona como o Tinder, mas para procurar empregos

Ícone do app Jobr para iPhones/iPods touch

Se você não conhece o app Tinder, sugiro ler este nosso post. A interface do app e o modo como interagimos nele é muito bacana. Que tal então aproveitar isso para algo menos “divertido”, mais profissional? É exatamente isso que o Jobr faz.

Publicidade

App Jobr para iPhones/iPods touch

Ao entrar no app com a sua conta do LinkedIn (ele utiliza todas essas informações para montar o seu perfil), basta fazer os já tradicionais gestos de deslizar para a direita para mostrar interesse na vaga ou para a esquerda quando a oportunidade não lhe apetecer — a recusa é feita de forma anônima, então não há com o que se preocupar. Cada uma das vagas mostradas conta com informações da companhia em questão, os requerimentos para o trabalho, quantos contatos seus trabalham por lá e quais qualidades suas batem com as exigidas pela vaga.

O bacana é que, obviamente, recrutadores das empresas analisam os interessados nas vagas e, se rolar o match, a conversa começa por ali mesmo, dentro do aplicativo. Além disso, uma indicação de uma oportunidade para um amigo pode valer US$1.000 caso o seu contato seja mesmo contratado pela empresa.

Publicidade

A coisa ainda é muito focada nos Estados Unidos — consequentemente, na língua inglesa. Ainda assim, não custa nada entrar e testar o app, principalmente para quem está querendo achar uma oportunidade lá fora. E vamos torcer para que empresas brasileiras “descubram” o Jobr, facilitando a vida de quem está procurando um emprego. 😉


Desculpe, app não encontrado.

[via TechCrunch]

Publicidade

Posts relacionados