Saiba tudo o que rolou no primeiro encontro CocoaHeads da América Latina

Mascote do CocoaHeads Brasil

por Joao Calistro

O CocoaHeads é um movimento internacional que objetiva integrar toda a comunidade de desenvolvedores dos frameworks Cocoa e Cocoa Touch, da Apple, estimulando a interação da comunidade, disseminação de conhecimento, boas práticas e criação de aplicativos de qualidade.

Queremos juntar pessoas apaixonadas por tecnologia, mobilidade, ciência e devices Apple em encontros regulares, sejam para meetups de palestras (conhecidas como CocoaTalks), hackathons ou drinkups. Hoje o CocoaHeads está presente nos 5 continentes, com mais de 100 cidades ativas!

Marca do CocoaHeads Brasil

O CocoaHeads Brasil é a primeira iniciativa do movimento na América Latina e atualmente está organizado nas cidades de Goiânia (GO), São Paulo (SP) e Belo Horizonte (MG) — várias outras estão em processo de organização.

Primeiro encontro CocoaHeads da América Latina

O primeiro evento da comunidade brasileira aconteceu no último dia 15, às 19 horas, simultaneamente nas cidades de Goiânia e São Paulo, onde diversos desenvolvedores das plataformas iOS e OS X se reuniram para um ciclo de palestras técnicas relacionadas a essas duas plataformas da Apple.

Em Goiânia, o primeiro encontro teve a participação de 37 desenvolvedores e aconteceu no auditório do Flamboyant Shopping Center. Além da abertura do CocoaHeads Brasil, na qual George Villasboas explicou sobre o que é o CocoaHeads, três CocoaTalks trouxeram assuntos bem interessantes para os desenvolvedores presentes.

CocoaHeads Brasil - Goiânia

Confira mais fotos na galeria oficia do evento, no Flickr.

O desenvolvedor Dilson Alkmim apresentou os conceitos fundamentais de jogos e o framework SpriteKit, criado pela Apple e lançado com o iOS 7 para desenvolvimento de jogos em 2D. Após o Dilson desenvolver um jogo para “bater balõezinhos” junto aos participantes, o CocoaSpeaker Edson Pieczarka Jr. tratou de um tema muito recorrente no desenvolvimento de apps: a possibilidade de manipular objetos em Objective-C utilizando JavaScript com UIWebView, e vice-versa. Com uma aplicação simples, ele mostrou como fazer isso diretamente no Xcode.

Por fim, o George apresentou o iBeacon, que faz parte do framework CoreLocation e está mudando a maneira como apps interagem com o ambiente à sua volta. Essa tecnologia, criada pela Apple e apresentada na versão 7 do iOS, tem como objetivo criar contextos de localização para interagir com o usuário de uma maneira nunca antes vista. Ao final, ele mostrou, em código, um exemplo que foi capaz de interagir com um iBeacon real trazido para o evento.

CocoaHeads Brasil - Goiânia

Confira mais fotos na galeria oficia do evento, no Flickr.

Após as conversas, houve o sorteio de duas camisetas oficiais e uma licença do app Reveal. Os presentes ficaram muito satisfeitos com a chegada do CocoaHeads ao Brasil e o próximo encontro já ficou combinado para 19 de junho.

Enquanto isso, em São Paulo, o evento era realizado na sede do iMasters, contando com a participação de 24 desenvolvedores. Na abertura, o Tales Pinheiro explicou o que é CocoaHeads e o Appsterdam — e a intenção de unir/apoiar desenvolvedores brasileiros, organizando eventos e divulgando materiais para disseminar o conhecimento.

CocoaHeads Brasil - São Paulo

Confira mais fotos na galeria oficia do evento, no Flickr.

Foram dois CocoaTalks: Diego Chohfi, falando sobre “Testes automatizados no ambiente da Apple”, e Diogo Tridapalli, falando sobre “Persistência de dados em SQLite sem muita complicação”.

No CocoaTalk do Diego, o assunto rendeu bastante: foram mais de 60 minutos entre a palestra em si e a participação ativa dos que estavam assistindo a ela. Na sequência, Diogo explicou sobre a persistência de dados e mostrou a biblioteca que desenvolveu para facilitar essa tarefa e, com o apoio da empresa na qual trabalha, a 99Taxis, disponibilizou o código dessa biblioteca.

Além dos comes e bebes e de muito networking, no final do evento foram sorteados alguns brindes, camisetas, kits nerds e baralhos de Scrum — todos oferecidos pelo patrocinador PayPal Brasil.

Próximos eventos

O próximo de São Paulo já está marcado para o dia 24 de junho, e a frequência será mensal. Além das palestras técnicas, os encontros contam também com um happy hour semanal para networking e interação da comunidade. Em Goiânia, o próximo será em 19 de junho. Ainda ontem, dia 27 de maio, rolou também o primeiro CocoaHeads em Belo Horizonte.

Quem perdeu o primeiro encontro poderá conferir as palestras em vídeo pelo site do CocoaHeads.

Pesquisa sobre o perfil do desenvolvedor mobile brasileiro

Com o lançamento do CocoaHeads Brasil, surgiu o interesse de conhecer melhor a comunidade brasileira de desenvolvedores mobile. Desenvolvemos então um projeto de pesquisa para traçar esse perfil visando à criação de estratégias mais efetivas direcionadas a esse público.

A pesquisa consiste em um questionário anônimo, destinado a desenvolvedores mobile de qualquer plataforma. O tempo estimado de preenchimento é de cinco minutos e os resultados serão disponibilizados para toda a comunidade. Para participar, basta visitar esta página.

Posts relacionados

Comentários