↪ Poder de processamento do “novo” iMac é 40% menor que o dos seus irmãos

Benchmark do novo iMac (single-core)

Quando comparado ao resto da linha iMac, o novo modelo tem um desempenho single-core razoável — é quase idêntico ao do iMac quad-core de entrada. Já o desempenho multi-core é significativamente menor devido ao menor número de núcleos (dois contra quatro).

Um desempenho inferior deste novo iMac já era esperado, afinal, o processador é o i5-4260U (utilizado em MacBooks Air). A pergunta é: por que a Apple usaria um processador de baixo consumo (normalmente utilizado em notebooks, que precisam mais de eficiência energética) num computador desktop? John Poole acredita que a resposta seja “gráficos”. Isso porque o tal processador conta com uma GPU (graphics processing unit, ou unidade de processamento gráfico) HD 5000 da Intel, que tem um desempenho cerca de duas vezes melhor que o da HD 4600. Tudo indica que a Apple preferiu sacrificar a performance da CPU em prol disso. [Primate Labs]

Publicidade

Benchmark do novo iMac (single-core)

Benchmark do novo iMac (multi-core)

[via MacRumos]

Publicidade

Posts relacionados