Boogie Board Sync 9.7 é um eWriter com diferenciais bem interessantes

Boogie Board Sync 9.7

Gosto de desenhar. Meu sonho é uma Wacom Cintiq 24HD daquelas em que posso desenhar diretamente na tela, mas o preço é um impeditivo. Para pagar mais de R$10 mil numa mesa dessas, o uso tem que ser constante, profissional — e esse não é o meu caso.

Assim, utilizar o iPad — junto de algumas styli mais precisas — foi sempre a minha única opção. O problema é que nunca encontrei uma boa opção para desenhar no iPad e ao mesmo tempo no Mac, o chamado live draw.

Se você tem essa mesma necessidade, então vale ficar de olho num eWriter chamado Boogie Board Sync 9.7.

Boogie Board Sync 9.7

Trata-se — a princípio — daqueles pads para fazer anotações rápidas. Só que o Boogie Board, por debaixo da superfície, tem uns diferenciais bem interessantes.

Boogie Board Sync 9.7Boogie Board Sync 9.7Boogie Board Sync 9.7

Em primeiro lugar, ele salva aquilo que você anota numa memória interna. Uma vez armazenado, você pode mandar por Bluetooth para o iPad ou o iPhone. As anotações de uma reunião, por exemplo, também podem ser enviadas para o Mac, por USB.

Boogie Board Sync 9.7

Mas tem mais: quando plugado via USB num Mac, o Boogie Board pode ser usado como uma mesa digitalizadora, permitindo o live draw.

Claro que está longe de ser uma Cintiq, mas por pouco mais de US$100 acho que é um produto interessante — ainda mais numa época em que existem tantos bons “conceitos” no Kickstarter.

Posts relacionados

Comentários