Duas empresas brasileiras se juntaram para criar o Museu Apple

Museu da Apple no Brasil

O pessoal que já viajou com a gente no MM Tour teve o prazer de conhecer o Computer History Museum. Lá é possível ver muitos computadores que fizeram história como, por exemplo, o Apple I.

Publicidade

Apple I, esse fez história! #MMTour

A photo posted by MacMagazine.com.br (@macmagazine) on

É claro que o CHM não se resume à Apple mas, para nós, é muito bacana ver essas peças por lá. Mas não seria muito bacana se tivéssemos um museu focado em produtos da Maçã, aqui no Brasil?

Museu da Apple no Brasil

Publicidade

Pois é exatamente isso que a HiMaker e a Blusoft estão fazendo. O site do Museu Apple traz todas as informações do projeto — incluindo é claro, a sua história:

Desde 2005, em meu primeiro trabalho com computadores Apple, na empresa Clicheria Blumenau, nunca consegui jogar hardwares Apple fora. Depois disso, iniciei uma catalogação de produtos, o que me surpreendeu, pois apareceram muitas pessoas com histórias incríveis de como foi adquirido ou comprado aquele hardware Apple no passado. Muitas dessas pessoas gostaram da iniciativa e doaram suas preciosidades para o acervo de obras de arte tecnológicas da HiMaker.

Foi então que, em 2014, com o intuito de manter a história viva, nós, da HiMaker, criamos o hábito de guardar todos os hardwares Apple possíveis. Depois de certo tempo, a coleção ficou cada vez maior e decidimos organizar e catalogar todos os itens guardados. São mais de 400 itens, de teclados e mouses até iMacs em pleno funcionamento.

Com tantas peças guardadas tivemos que alugar uma sala separada do escritório para guardá-las em segurança e foi aí que surgiu a ideia de criarmos um sistema online de catalogação utilizando o FileMaker. Para cada peça foi criada uma ficha de descrição, que fica à disposição para visualização a qualquer momento na internet.

Cada item também tem um código QR que permite visualizar todas as informações ao entrar no museu físico.

Henrique Bilbao, diretor da HiMaker.

É claro que o museu não nascerá completo, mas só para termos uma ideia de como a coleção já está grande, ele já conta com 420 peças (315 máquinas, 18 bases wireless, 4 câmeras, 1 controle, 37 impressoras, 133 aparelhos móveis e 6 mouses/teclados). Na página do museu há também um destaque mais do que merecido aos doadores que ajudaram a transformar o museu em realidade.

Convite - Museu Apple

Publicidade

O Museu Apple fica na Rua Dois de Setembro, 733/sala 16 – Ed. Bluesoft (em Itoupava Norte, Blumenau – Santa Catarina). A inauguração está marcada para o dia 27 de novembro, às 19 horas. Para comparecer, basta confirmar a presença neste simples formulário. 😉

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…