De novo, e de novo… as incoerências da equipe de aprovação da App Store continuam

Ícone da App Store

Já vimos inúmeros casos de inconsistências promovidas pela equipe de aprovação da App Store. Até aí, “tudo bem” — afinal, são seres humanos que, como nós, podem errar. O problema é que muita coisa nós (usuários e desenvolvedores) simplesmente não entendemos.

Ícone da App Store

Um exemplo recente foi o caso envolvendo a PCalc. A Apple pediu para que o desenvolvedor removesse o widget de calculadora do aplicativo — diga-se de passagem, uma das coisas mais legais do app — com o argumento de que widgets na Central de Notificações do iOS não podem realizar nenhum cálculo.

O problema é que não há nada nas regras da App Store mencionando tal limitação — e muito provavelmente a Apple voltou atrás em sua decisão por conta disso. Agora, mais duas desenvolvedoras estão enfrentando problemas com seus apps: a Agile Tortoise (app Drafts) e a Panic (app Transmit iOS).

Drafts

No primeiro caso, a Apple entrou em contato com o desenvolvedor Greg Pierce e pediu para que ele retirasse os botões de criar um rascunho e de abrir o app (ou seja, tornasse o widget praticamente inútil). Ainda de acordo com Pierce, os representantes da Apple disseram que os widgets na Central de Notificações devem servir basicamente para mostrar informações.

Se essa fosse uma regra geral, tudo bem. O problema é que não é. Diversos apps utilizam widgets na Central de Notificações como meio de interação para criar conteúdo ou fazer ações, como o Evernote, o Swarm e muitos outros. O problema, aqui, é mais uma vez a questão de “dois pesos, duas medidas” da Apple.

Maçãs

Maçãs, via Shutterstock.

Pierce foi lá e fez exatamente o que a Apple pediu: retirou os botões e enviou o aplicativo novamente para aprovação. O que aconteceu? Ele foi novamente rejeitado, mas dessa vez por outro motivo (falta de utilidade). Convenhamos, a empresa precisa se decidir…

Transmit iOS

O outro caso (da Panic) também envolve um botão: o de compartilhamento. Resumidamente, a Apple informou que o Transmit iOS pode fazer o download de qualquer conteúdo do iCloud Drive.

Todavia, o upload de conteúdo só pode ser feito quando tal conteúdo é criado pelo próprio aplicativo. Como o Transmit iOS basicamente “transmite” informações de um lugar para o outro (ele não cria nada), a Apple pediu para que o botão de compartilhamento fosse retirado com base na regra 2.23 da App Store, a qual diz que “Apps devem seguir as Diretrizes de Armazenamento de Dados no iOS ou eles serão rejeitados.”

O problema é que, como podemos ver, a página em questão não fala absolutamente nada sobre o iCloud Drive. Ainda que a Panic estivesse errada e tivesse mesmo que acabar com essa integração do Transmit iOS com o iCloud Drive, a remoção do botão acabou atingindo também outros serviços como Box, Dropbox, etc.

Isso porque o botão de compartilhamento é controlado 100% pelo iOS, então não existe a possibilidade de personalizar a coisa e tirar, por exemplo, apenas a opção do iCloud Drive.

Pelo visto a equipe de aprovação da App Store gosta de uma polêmica…

[via MacRumors, TUAW, MacStories]

Posts relacionados

Comentários