↪ Apple se livra de processo no qual era acusada de vender MacBooks com placas lógicas defeituosas

MacBook Pro com tela Retina aberto

MacBook Pro com tela Retina aberto

Imagem meramente ilustrativa.

A Reuters informou que a Apple se livrou de um processo no qual era acusada de vender deliberadamente MacBooks com placas lógicas defeituosas (que supostamente começavam a falhar após mais ou menos dois anos de uso). William Alsup, juiz responsável pelo caso, afirmou que os autores da ação não conseguiram provar que “as placas lógicas eram impróprias para seus propósitos comuns ou não tinham um nível mínimo de qualidade”. [The Loop]

Posts relacionados

Comentários