Apple cobra o cumprimento de regra “esquecida” da App Store e libera apps de maconha em locais permitidos

Ícone - Negado/Pare

Por muito tempo a Apple fingiu não ver e aprovou diversos apps que não estavam devidamente enquadrados em dois tópicos das Diretrizes de Avaliação da App Store (App Store Review Guidelines).

Publicidade

Uma delas é referente aos metadados do aplicativo/jogo (nome, descrições, classificações, rankings, etc.). De acordo com o Pocket Gamer, com base no item 3.6 das regras, a Apple está agora rejeitando apps com ícones, capturas de tela e prévias as quais não aderem à classificação mínima de 4 anos. Um deles foi o jogo Tempo.


Desculpe, app não encontrado.

Reparem que os desenvolvedores do jogo tiveram que esconder as armas que aparecem nas imagens de divulgação — assim como o vídeo de prévia — do aplicativo.

Publicidade

Ícone do app Gunslugs 2

Gunslugs 2

de Pascal Bestebroer

Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 2.4.1 (71.5 MB)
Requer o iOS 7.0 ou superior

R$ 7,90

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

Screenshot do app Gunslugs 2Screenshot do app Gunslugs 2Screenshot do app Gunslugs 2Screenshot do app Gunslugs 2Screenshot do app Gunslugs 2

Outro app que passou por problemas foi Gunslugs 2. Diferentemente do Tempo, o problema dele não é assim tão óbvio. A terceira imagem acima, que faz parte da divulgação do app desde dezembro, foi rejeitada pela equipe de aprovação da Apple por demonstrar “violência contra um ser humano”. Por se tratar de um jogo em pixel art, tudo acaba sendo um pouco subjetivo e a desenvolvedora OrangePixel botou a boca no trombone (Twitter e blog da empresa), fazendo a Apple voltar atrás em sua decisão.

Outro ponto polêmico envolvendo aprovações de aplicativos tem a ver com a maconha — já falamos algumas vezes sobre isso aqui, como o jogo de plantação de maconha que foi banido da loja e um buscador de maconha que ficou disponível na App Store por muito tempo. Não precisa ir muito longe: basta você mesmo fazer uma busca na loja e ver a quantidade de apps disponíveis sobre o assunto. Pois a empresa agora decidiu seguir um caminho interessante.


Desculpe, app não encontrado.

Publicidade

Pegando o MassRoots como exemplo, o app foi banido da loja no fim de 2014 com base no item 2.18 das regras, o qual diz que apps os quais incentivam o consumo excessivo de álcool ou substâncias ilegais, ou encorajam menores a consumir álcool ou fumar cigarros, serão rejeitados.

Agora, porém, os desenvolvedores informaram que a Apple permitiu a volta do aplicativo à loja desde que ele fique disponível apenas em locais onde a maconha é legalizada (no total 23 Estados americanos permitem o uso da substância, seja por questões médicas ou recreativas).

[via 9to5Mac: 1, 2]

Publicidade

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…