Jony Ive é promovido a Executivo-Chefe de Design na Apple

Executivos da Apple - Jonathan Ive, Alan Dye e Richard Howart
Alan Dye é

Jony Ive não é mais vice-presidente sênior de design da Apple. Calma, o designer mais famoso do mundo não foi demitido nem nada; pelo contrário. De acordo com o Telegraph, Ive foi promovido e agora é Chief Design Officer (Executivo-Chefe de Design), passando o bastão das tarefas do dia-a-dia para dois fiéis escudeiros.

Enquanto Richard Howarth será em breve o encarregado por tudo ligado a interface humana dentro da Apple, Alan Dye liderará tudo relacionado a desenho industrial. Ambos estão na empresa há bastante tempo e, é claro, estão completamente adaptados à cultura da Maçã.

Com a mudança, Ive fica um pouco mais livre para cuidar de alguns outros projetos importantes da empresa (como dar uma atenção especial às Apple Retail Stores e às obras do novo campus da Apple). Ainda assim, praticamente tudo ligado a design passa pelas suas mãos.

Confira abaixo o comunicado interno que Tim Cook enviou para os empregados da Apple:

Time,

Tenho novidades empolgantes para compartilhar com vocês hoje. Estou feliz em anunciar que Jony Ive está sendo promovido ao novo cargo de Executivo-Chefe de Design (Chief Design Officer) na Apple.

Jony é um dos designers mais talentosos e realizados da sua geração, com incríveis 5.000 patentes de design e utilitários em seu nome. Seu novo cargo é um reflexo do escopo de trabalho que ele tem feito na Apple há algum tempo. As responsabilidades de design de Jony se expandiram de hardware e, mais recentemente, interfaces de software para o visual das lojas de varejo da Apple, o nosso novo campus em Cupertino, embalagens de produtos e muitas outras partes da nossa companhia.

Design é uma das formas mais importantes com as quais nos comunicamos com nossos clientes, e a nossa reputação por design de primeira linha diferencia a Apple de qualquer outra empresa no mundo. Como Executivo-Chefe de Design, Jony continuará responsável por tudo do nosso design, focando-se inteiramente em projetos atuais de design, novas ideias e futuras iniciativas. Em 1º de julho, ele passará suas responsabilidades gerenciais diárias de Desenho Industrial e Interface do Usuário para Richard Howarth, nosso novo Vice-Presidente de Desenho Industrial, e Alan Dye, nosso novo Vice-Presidente de Design de Interface do Usuário.

Richard, Alan e Jony têm trabalhado juntos como colegas e amigos há muitos anos. Richard é um membro do time de design há duas décadas, e nesse tempo ele foi um colaborador-chave para o design de cada geração do iPhone, de Macs e praticamente qualquer outro produto Apple. Alan entrou na Apple há nove anos no time Marcom, e ajudou Jony a criar o time de IU que colaborou com os de DI, Engenharia de Software e inúmeros outros grupos em projetos revolucionários como iOS 7, iOS 8 e Apple Watch.

Por favor junte-se a mim em parabenizar esses três excepcionalmente talentosos designers em seus novos cargos na Apple.

Tim

Na prática, pouca coisa deve mudar. Ive muito provavelmente estava sobrecarregado acumulando tantas funções, então Howarth e Dye — como o CEO da empresa deixou claro em seu comunicado — já estavam exercendo esses papeis de líderes na áreas de interfaces humanas e desenho industrial há algum tempo. O que aconteceu agora foi “apenas” o reconhecimento disso, dando os devidos créditos aos três pelas novas responsabilidades e, muito provavelmente, reconhecendo tudo isso financeiramente falando.

Em uma nota relacionada, o artigo do Telegraph é bastante focado na obra do “Apple Campus 2” — o ator e apresentador Stephen Fry fez uma visita guiada com Cook e Ive. Nele, três detalhes interessantes chamaram a nossa atenção.

Tim Cook e Jony Ive nas obras do Apple Campus 2

O primeiro é que os capacetes da obra têm o logo da Apple. 😛 Brincadeiras à parte, a empresa admitiu que as obras do novo campus poderão ficar prontas só no início de 2017 (o prazo amplamente divulgado por ela era final de 2016). A segunda é que Ive está mesmo muito envolvido com a obra, colocando a mão em praticamente tudo (desde as cadeiras de carvalho, passando pelas mesas as quais empregados poderão aumentar ou diminuir o tamanho apertando apenas um pequeno botão).

Para terminar, o artigo nos deu mais uma informação que corrobora a dimensão enorme dessa obra. A Foster + Partners (escritório de arquitetura) tem cerca de 80 pessoas dedicadas ao projeto (em Londres), com mais 40 trabalhando no local da obra (em Cupertino).

[via 9to5Mac]

Posts relacionados

Comentários