Novo rumor sobre o iOS 9 trata do recurso “Proativo”, uma suposta resposta da Apple ao Google Now

Spotlight do iOS 8

E o garoto Mark Gurman, do 9to5Mac, continua com tudo em seus rumores sobre o iOS 9. A bola da vez é um recurso internamente chamado pela Apple de “Proativo” (“Proactive”), o qual seria uma suposta resposta dela ao Google Now.

Publicidade

Segundo Gurman, a ideia da Apple é integrar elementos do iOS como Siri, Contatos, Calendário, Passbook e inclusive apps de terceiros de uma forma inteligente, levando ao usuário informações e atalhos úteis de acordo com o seu uso do aparelho. O recurso funcionaria como uma evolução do sistema de buscas Spotlight, e a recente integração dele com a Wikipédia já teria sido uma espécie de teste do que a novidade será capaz.

Ao mesmo tempo em que oferece esses benefícios para usuários, a Apple tem trabalhado para cada vez mais reduzir a utilidade do Google no iOS. Do iOS 6 para o 7, a Apple mudou o Spotlight de lugar: antes ele ficava na primeira tela à esquerda da Home Screen, agora é acessível puxando a tela de cima para baixo. De acordo com fontes do 9to5Mac, isso teria reduzido o uso do Spotlight por tê-lo deixado mais “escondido”, e a Apple estaria considerando voltar atrás na mudança para o lançamento do iOS 9.

Boa parte das funções do “Proativo” serão fruto de aquisições recentes realizadas pela Apple, como a da Cue e a da Spotsetter.

Publicidade

Falando de ainda mais novidades planejadas para os Mapas, Gurman diz que a Apple tem testado um sistema próprio de pontos de interesse (points of interest, ou POIs) e um novo recurso chamado de “Navegar Por Perto de Mim” (“Browse Around Me”) que usaria a técnica de realidade aumentada para mostrar locais relevantes ao usuário numa interface tridimensional.

Enquanto não completa a sua API da Siri, a Apple está avaliando pelo menos oferecer algum tipo de integração especial da assistente com apps de terceiros. Em seu artigo de hoje, Gurman cita como exemplo a possibilidade de usuários chegarem a uma determinada categoria de filmes dentro do Netflix a partir de uma busca realizada pela Siri. Ao que tudo indica, a maior preocupação da Apple com essas integrações é a privacidade de usuários.

Como sempre, vale lembrar que tudo isso são rumores e que, mesmo se forem quentes, eles podem ser alterados até a Apple falar publicamente sobre qualquer novidade. Um caminho possível para ela, por exemplo, é ir liberando partes disso tudo aos poucos em futuros updates do iOS — ou seja, não necessariamente tudo de vez na versão 9.0.

Saberemos mais na keynote de abertura da WWDC 2015, no dia 8 de junho. 😉

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…