AppleCare+ agora passa a cobrir baterias que retêm 80% ou menos da sua capacidade original [atualizado: MacBooks também]

Todo produto da Apple conta com a opção de uma extensão da garantia, chamada pela empresa de AppleCare. Aqui no Brasil, nós temos o AppleCare disponível para Macs, iPads, iPods e Apple TV — o iPhone, por enquanto, continua fora da jogada.

Publicidade

A garantia estendida dos iGadgets — e agora do Apple Watch — funciona de forma um pouco diferente da de Macs. Até por isso o nome é diferente — em vez de AppleCare, é AppleCare+.

Esse mais (plus) no nome começou a ser utilizado por conta de uma característica não oferecida pela extensão de garantia comum: pagando uma “pequena” taxa (que varia de acordo com o produto/modelo), a Apple troca o equipamento defeituoso mesmo se o problema não for coberto pela garantia do produto (como por exemplo, um iPhone que caiu na água).

Hoje, porém, a Apple fez uma pequena mudança nos termos do AppleCare+ de iPods, iPhones, iPads e Watches. Resumidamente, antes a empresa oferecia cobertura para trocas de baterias caso elas estivessem retendo 50% ou menos da sua capacidade original. Agora ela melhorou isso, oferecendo cobertura para baterias que estiverem retendo 80% ou menos da capacidade original.

AppleCare

Mas como saber se a sua bateria está com problemas? A bateria do iPhone foi projetada para reter até 80% da sua capacidade original por 500 ciclos completos de carga; a de Apple Watches, por 1.000 ciclos; a de iPads, por 1.000 ciclos; a de iPods, por 400 ciclos; e finalmente a de MacBooks, por 1.000 ciclos.

Publicidade

Um ciclo não necessariamente significa que você tem que ir de 100% a 0% de bateria de uma vez só. Na verdade, um ciclo de carga termina quando você usa (descarrega) uma quantidade equivalente a 100% da capacidade da bateria. Por exemplo: você pode usar 75% da capacidade da bateria em um dia, depois dar uma carga completa durante a noite. Se você usar 25% no dia seguinte, terá descarregado 100%, e os dois dias equivalerão a um ciclo de carga.

Apesar de não termos AppleCare+ para iPhone aqui no Brasil, todos os produtos da Maçã contam com uma garantia de um ano. Se você acha que a sua bateria não está retendo a carga da forma correta, saiba que a garantia de um ano do seu produto inclui cobertura de revisão no caso de uma bateria com defeito. Se o produto estiver fora da garantia, a Apple oferece um serviço de revisão da bateria com preços que variam:

Publicidade
  • iPhones: R$299;
  • iPads: R$399;
  • iPods: de R$289 a R$839;
  • MacBooks: de R$799 a R$999.

Fica aqui, então, a dica. 😉

[via MacRumors]

Atualização · 29/06/2015 às 22:02

As baterias não-removíveis de MacBooks agora também contam com o mesmo tipo de proteção. Ou seja, se você tem AppleCare para o seu Mac e a sua bateria não está mais retendo 80% de sua carga original, a empresa fará a troca dela sem nenhum custo adicional.

[via MacRumors]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…