Juiz determina: Apple terá que enfrentar ação coletiva por inspecionar bolsas de empregados

Empregado de Apple Retail Store

Há pouco mais de um mês, falamos sobre um processo movido por alguns empregados da Apple os quais alegavam estarem sendo “tratados como ladrões” em revistas de bolsas/sacolas ao deixarem seus turnos de trabalho. A ação original foi descartada pelo juiz William Alsup, mas o grupo não desistiu e tentou torná-la uma ação coletiva.

Hoje, conforme noticiou a Reuters, o mesmo juiz certificou a ação coletiva como válida e dará prosseguimento ao processo contra a Apple. Com isso, cerca de 12.000 pessoas — de 52 Apple Retail Stores na Califórnia — serão representadas simultaneamente na ação.

Nós iremos acompanhar o andamento do caso aqui no site e noticiaremos sempre que houver alguma novidade significativa.

Posts relacionados

Comentários